Pessoas com mais de 65 anos são as que mais compartilham notícias falsas

1 min de leitura
Imagem de: Pessoas com mais de 65 anos são as que mais compartilham notícias falsas
Avatar do autor

Pessoas com mais de 65 anos são, de longe, as que mais compartilham notícias falsas nas redes sociais. A descoberta veio após uma pesquisa realizada por analistas das Universidades de Nova York e Princeton.

Além disso: quanto mais velho você fica, mais você acaba acreditando em notícia falsa

De acordo com a pesquisa, os usuários mais velhos do Facebook nos EUA compartilham fake news com mais frequência, independentemente da educação recebida, gênero, raça, receita mensal etc. Como nota o The Verge citando a pesquisa, a idade prevê o comportamento de passar notícias falsas melhor que qualquer outra característica, incluindo a “tendência partidária”.

O estudo completo foi publicado na Science Advances. Os analistas observaram o comportamento de estadunidenses por meses antes e depois das eleições presidenciais de 2016, que acabaram elegendo Donald Trump. Foram analisadas mais de 3,5 mil pessoas, usuários e não-usuários de redes sociais como o Facebook.

As porcentagens descobertas

  • Entre todas as categorias de idade, 8,5% dos usuários compartilharam pelo menos uma notícia falsa
  • Entre os candidatos que se identificaram conservadores, 18% compartilharam notícias falsas
  • Entre os candidatos que se identificaram liberais, 4% compartilharam notícias falsas
  • Cerca de 11% dos usuários com mais de 65 anos compartilharam notícias falsas
  • Cerca de 5% dos usuários entre 45 e 65 anos compartilharam notícias falsas
  • Cerca de 3% dos usuários entre 18 e 29 anos compartilharam notícias falsas

Vale notar que o estudo não entrega uma conclusão definitiva sobre o motivo de pessoas mais velhas compartilharem fake news em números extremamente superiores. Porém, os analistas apontam dois caminhos: as pessoas mais velhas não possuem as “habilidades digitais” para sacar uma fake news e elas possuem um declínio na “experiência cognitiva” enquanto envelhecem.

Andrew Guess, um dos pesquisadores da Universidade de Princeton, comentou o seguinte sobre o estudo: “Quando mencionamos a idade, muitas pessoas dizem: 'oh sim, isso é óbvio. Para mim, o que é impressionante é que o relacionamento se mantém mesmo quando você controla a filiação partidária ou a ideologia. O fato de ser independente dessas outras características é bastante surpreendente para mim. Não é apenas ser impulsionado por pessoas mais velhas sendo mais conservadoras”.

Cupons de desconto TecMundo:

Categorias

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Pessoas com mais de 65 anos são as que mais compartilham notícias falsas