O Instagram oferece a função de ‘trancar’ o perfil por um motivo: para que os usuários que não constem em sua lista de amigos não vejam o que você publica. Mesmo assim, muitas pessoas buscam ferramentas que permitam burlar esse sistema — e um site falso está prometendo liberar a visualização de perfis privados, mas acaba instalando um malware no dispositivo do curioso.

Obviamente, o perfil desejado não é liberado

De acordo com o dfndr lab, laboratório de cibersegurança da PSafe, o site falso captura a vítima por meio de um pishing se passar por um domínio seguro. Além disso, os cibercriminosos também se valem da curiosidade da vítima para propagar o golpe.

Obviamente, o perfil desejado não é liberado, mas a vítima acaba fazendo o download de um arquivo malicioso que infecta o computador ou smartphone. “Esse golpe tem como objetivo instalar um malware no smartphone do usuário. Até o momento, tivemos um número muito baixo de detecções. Contudo, decidimos alertar porque nesse já foram mais de 270 mil detecções de golpes similares a esse que, além de instalar malware, também rouba logins e senhas”, adicionou o dfndr lab.

Cupons de desconto TecMundo: