Pesquisa eleitoral não se faz por WhatsApp, mas muita gente não sabe disso. Cibercriminosos estão se aproveitando no momento político atual para disseminar links para uma pesquisa falsa do Ibope e da Datafolha. O intuito final do golpe é roubar informações de usuários do aplicativo.

Segundo a Folha, assim que o link malicioso é acessado, as vítimas entram em uma página que exige o cadastro e o compartilhamento da pesquisa falsa com outras pessoas. Entre as informações exigidas, estão cidade, estado e candidato que será votado.

Se você está com uma dúvida, não insira os seus dados pessoais sem checar com outra pessoa, pode ser amigo ou familiar

Tanto o Ibope quanto o Datafolha negaram as pesquisas via WhatsApp. Mauro Paulino, direitor do Datafolha, comentou que as pesquisas são realizadas por meio de entrevistas pessoais. O Ibope reforçou alegando que o procedimento não acontece via aplicativos.

Para não cair nesse tipo de golpe, você precisa ficar atento aos links recebidos e ao remetente — não clicar em endereços recebidos de contatos desconhecidos é a máxima. Além disso, se você está com uma dúvida, não insira os seus dados pessoais sem checar com outra pessoa, pode ser amigo ou familiar. Em último caso, procure o site oficial de seu banco/empresa/candidato e entre em contato. Vale notar que é interessante contar com uma ferramenta antivírus em seu smartphone e computador.

datafolhaPesquisa falsa

Cupons de desconto TecMundo: