Em parceria com a MediaMonks, a National Geographic desenvolveu um microfone que pode identificar variações de timbre de voz ou batimentos cardíacos durante uma entrevista. A empresa comenta que o microfone funciona como um polígrafo, mostrando em tempo real o nível de confiança do entrevistado quanto ao tópico da conversa.

Ele começa a checar batimentos cardíacos e padrões de voz, estabelecendo um padrão para cada entrevistado

“Muito mais do que apontar mentiras ou verdades, esse microfone tem a função de guiar uma entrevista pelas questões mais sensíveis ao entrevistado, visando enriquecer a experiência da conversa”, afirma Alex Mendes, Head de Soluções Criativas da National Geographic LATAM.

De acordo com a National Geographic, o microfone funciona a partir do momento em que o entrevistado segura o microfone. A partir deste ponto, ele começa a checar batimentos cardíacos e padrões de voz, estabelecendo um padrão para cada entrevistado. Depois, qualquer variação pode ser interpretada em diferentes níveis de stress, visíveis à medida que o painel de LED do microfone muda a sua cor, em tempo real: de verde, para uma declaração dita com confiança, passando por amarelo, representando dúvida ou incerteza, e finalmente, vermelho – cor que corresponde a um alto nível de stress, mostrando desconforto do entrevistado com o que acabou de dizer.

A National Geographic comentou que o microfone será usado na campanha Explorer Investigation, em entrevistas com personalidades da mídia e políticos. A campanha tem início dia 7 de setembro no YouTube e 10 de setembro na TV.

Cupons de desconto TecMundo: