O Facebook anunciou uma nova medida para deixar as propagandas relacionadas a política na rede social mais transparentes. A partir da semana que vem, a plataforma vai exibir os responsáveis por pagar conteúdo patrocinado na rede social, seja um político em específico ou um partido.

Os rótulos e a Biblioteca de Anúncios serão lançados no dia 16 de agosto

“É mais fácil para as pessoas avaliarem anúncios relacionados a política, incluindo propaganda eleitoral, se souberem a origem da mensagem”, escreveu o Facebook. “Por isso, o Facebook lançou vários produtos que foram desenvolvidos para oferecer mais transparência sobre os anúncios para as pessoas. No Brasil, os anunciantes poderão incluir os avisos exigidos pelas leis aplicáveis à propaganda eleitoral em redes sociais. Esses recursos permitem que as pessoas encontrem com facilidade informações importantes sobre o anúncio que estão vendo, como, por exemplo, quem pagou por ele”.

Dessa maneira, o Facebook vai dividir as propagandas em época eleitoral como “Pago por”, que traz o nome do anunciante; e “Propaganda eleitoral”. Os usuários da rede social poderão descobrir o CPF ou CPNJ da conta que impulsionou a propaganda.

“No Brasil, o processo de autorização para a inclusão do rótulo para anúncios políticos e eleitorais está disponível desde o dia 31 de julho. Os rótulos e a Biblioteca de Anúncios serão lançados no dia 16 de agosto. Para obter a autorização para inclusão do rótulo, os administradores de Páginas e anunciantes e deverão acessar o facebook.com/id", comentou a empresa.

Esse é mais um dos esforços do Facebook para combater as fake news e tornar o compartilhamento de notícias mais transparente. Vale notar que, recentemente, o WhatsApp também alterou a política de encaminhamento de mensagens para outros contatos.

Cupons de desconto TecMundo: