Sim: é uma falta de caráter sem tamanho roubar energia dos computadores de seus visitantes sem, no mínimo, colocar um alerta sobre a prática. Dessa vez, o site de pay-per-view do UFC foi pego usando um minerador de criptomoedas (Monero) no código da página. Isso significa que, além de o UFC cobrar uma taxa para você assistir às lutas, os caras ainda estavam aumentando um pouco a sua conta de luz.

O UFC já cobra uma taxa de US$ 10 pelo Fight Pass

De acordo com Ryan Naraine, da ZDNet, o UFC utiliza a famosa coinhive para minerar Monero no site Fight Pass. A Monero é uma criptomoeda similar ao Bitcoin, porém permite transações ainda mais anônimas.

O primeiro relato da coinhive surgiu no Reddit, pelas mãos de "Gambledub". "Eu percebi isso porque meu antivírus começou a me alertar toda vez que eu acessava o UFC Fight Pass", notou o redditor. Na rede social, os usuários reclamaram principalmente porque o UFC já cobra uma taxa de cerca de US$ 10 mensais.

ufcTweet

  • Após o assunto surgir na internet, o UFC retirou a coinhive do domínio, contudo não fez qualquer declaração sobre o caso. 

CoinhiveCoinhive

Cupons de desconto TecMundo: