(Fonte da imagem: Divulgação/Samsung)
Cada vez mais comuns, os smartphones são apontados como os responsáveis por um novo tipo de lesão nas mãos: a “textingtendinitis”. É o que aponta um estudo realizado no Canadá com 140 universitários.

Entre todos os entrevistados, 84% relatavam algum tipo de dor na mão, sendo que o polegar foi apontado como o local mais comum – algo que pode ser explicado pelo fato de a maior parte das ações nos smartphones serem realizadas com ele.

Segundo o ortopedista Mateus Saito, em entrevista ao G1, cada ação realizada pelo polegar resulta em um movimento de extensão que, após diversas repetições, pode ocasionar microlesões no tendão extensor do dedo.

Para evitar a ocorrência de lesões, o ortopedista sugere evitar teclar utilizando a mesma mão que segura o aparelho ou apoiá-lo. Ao mesmo tempo, se a mensagem não for urgente, também é recomendável esperar até ser possível enviá-la por email.

Fonte: G1

Cupons de desconto TecMundo: