(Fonte da imagem: ThinkStock)Atualmente, a arte corporal da tatuagem não é mais vista como símbolo de rebeldia ou marginalidade, sendo que não se mede o caráter ou competência da pessoa pelo fato de ela ter o corpo tatuado ou não.

Hoje se vê médicos, advogados, chefes de cozinha e qualquer outro tipo de profissional que adotam a body art como uma forma de expressão e são respeitados igualmente como quem não desenha a pele.

Ainda assim, o estereótipo de que todo tatuado é mais rebelde e encrenqueiro, em relação á quem não tem tatuagem, ainda emerge em muitos lugares do mundo.

Uma recente pesquisa realizada pela da Université de Bretagne-Sud, na França, e divulgada noDaily Mail nessa semana, revelou que as pessoas com tatuagens, ao menos, bebem mais álcool.

O estudo, que envolveu quase três mil adultos jovens, encontrou uma forte ligação entre bebedeiras e arte corporal. O levantamento foi realizado em quatro noites de sábados, quando a maioria dos jovens franceses frequentam bares e clubes. A abordagem dos pesquisadores foi feita com homens e mulheres jovens que saíam das casas noturnas, questionando-os se eles possuíam tatuagem e piercing, e medindo o nível de álcool com o teste do bafômetro.

Segundo os resultados da avaliação, as mulheres tatuadas e com piercings consomem o dobro da quantidade de álcool em relação as que não tinham. Enquanto isso, os homens com tatuagens e piercings consumiram 44% a mais de álcool do que os homens que não tinham nenhuma das artes corporais.

O autor do estudo, o professor Nicolas Gueguen, declarou: “Esta é a primeira vez que encontramos uma relação entre tatuagens, piercings, e o consumo de álcool na França. Porém, uma série de estudos anteriores tem demonstrado que os indivíduos com body art são mais propensos a ter comportamentos de risco em relação aos que não têm", disse ele.

No entanto, a professora Myrna Armstrong, Centro Científico e Sanitário da Universidade Tecnológica do Texas, que também fez um estudo semelhante, alertou: "Eu fico preocupada com a tendência de associarem os tatuados com pessoas de comportamento arriscado”, disse ela, que também acrescentou que as pessoas têm tatuagens ou piercings por diferentes razões, tais como crenças religiosas.

Via TodaEla

Cupons de desconto TecMundo: