Não é difícil encontrar hoje em dia aplicativos capazes de ajudá-lo a manter uma dieta. Todos eles, entretanto, têm uma fraqueza grave que faz com que muita gente simplesmente desista dessas ferramentas: você precisa anotar tudo o que come, a quantidade, o número de calorias... Enfim, um monte de coisas que quase ninguém tem paciência de fazer.

Um cientista da Universidade de Búfalo, porém, criou uma ferramenta pensando em resolver exatamente isso. A solução trazida por Wenyao Xu veio em uma forma bastante curiosa – mais exatamente, como um colar que é capaz de ouvir o que você come.

Pode parecer estranho, mas a ideia em si é bastante simples. O fato é que os alimentos fazem sons distintos quando os mastigamos ou os engolimos, e o AutoDietary, como é chamado, consegue identificar o som disso tudo com a ajuda de um microfone que fica preso em seu pescoço. Assim, o dispositivo registra automaticamente tudo o que você come, para ajudá-lo em sua dieta.

Limitado, mas eficiente

É preciso notar que esse sistema tem uma série de limitações, todavia. A maior delas é que alimentos com consistência parecida podem acabar enganando o aparelho: líquidos, por exemplo, não podem ser diferenciados – seja um copo d’água, de suco, de cerveja ou de refrigerante. O mesmo vale para comidas recheadas.

Mesmo com essas limitações, o aparelho mostrou potencial considerável: em um pequeno estudo envolvendo 12 participantes, o AutoDietary foi capaz de identificar alimentos como água, maçãs, cenouras, biscoitos, amendoins, nozes e batatas chips com 85% de precisão. Não é um número perfeito, mas já se mostra bastante impressionante.

Mas e quanto aos problemas de reconhecimento do dispositivo? Sobre isso, a solução apontada por Xu é, no futuro, adicionar um biomonitor capaz de analisar os níveis de açúcar e outros dados biológicos. Assim, teríamos um wearable com muito potencial para ajudar quem está lutando com as dietas; apenas vamos torcer para que ele ganhe um visual mais agradável até lá...

Que aplicativos e dispositivos você usa para ajudá-lo a manter sua dieta? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: