(Fonte da imagem: Reprodução/Phandroid)

Que a Samsung tem se inspirado bastante nos aparelhos lançados pelas fabricantes rivais ninguém pode negar, mas a gigante sul-coreana dos eletrônicos também vem realizando muitas inovações por conta própria – seja com boa repercussão, como quando a empresa criou a categoria phablet, ou com resultados mais duvidosos, como com o Galaxy Round. Agora, a companhia está desenvolvendo uma tecnologia que pretende revolucionar a recarga sem fio.

De acordo com a agência coreana ET News, a Samsung está trabalhando com a startup neozelandesa PowerbyProxi para desenvolver uma nova forma de recarregar seus futuros smartphones sem usar cabos e de uma forma mais prática do que as bases atualmente existentes. As empresas estão criando uma solução de recarga por ressonância magnética, que atua de forma diferente das várias opções que foram adotadas até hoje.

Não precisa encostar

As tecnologias de recarregadores sem fio adotadas pela Nokia e outras fabricantes requerem que o aparelho esteja devidamente posicionado sobre um suporte especial para que seja recarregado. Esse requisito impossibilita ações como realizar chamadas enquanto o dispositivo não está com a bateria cheia, já que removê-lo da base interrompe o processo de recarga.

Já a ressonância magnética é capaz de energizar os celulares compatíveis mesmo se eles estiverem tocando apenas parcialmente a base. Além disso, o preenchimento da bateria pode ser realizado mesmo se houver alguma obstrução entre o carregador e os dispositivos, ou se os aparelhos forem mantidos a alguns centímetros de distância um do outro.

De acordo com as fontes da agência de notícias coreana, smartphones da Samsung compatíveis com a tecnologia de ressonância magnética podem chegar ao mercado a partir da segunda metade de 2014. A empresa ainda não se pronunciou oficialmente sobre o assunto.

Cupons de desconto TecMundo: