26 países europeus não terão o Galaxy Tab à venda nas lojas. (Fonte da imagem: Divulgação / Samsung)

As batalhas mais disputadas do mundo da tecnologia estão sendo travadas entre a Apple e Samsung, as duas líderes de mercado na área de tablets e smartphones. Desde o processo movido pela Maçã em abril, que acusava a concorrente de copiar diversos conceitos do design de seus aparelhos, cortes de todo o mundo têm trabalho de sobra para julgar os pedidos das companhias.

O novo capítulo da guerra desenrolou-se na Alemanha. Depois de impedir a comercialização do Galaxy Tab 10.1 na Austrália, a Apple colocou mais um território na lista dos locais que não devem receber o próximo tablet da Samsung: a União Europeia.

Uma medida cautelar foi concedida em favor da Maçã, logo após a Samsung afirmar que tentaria lançar o tablet em terras australianas, apesar da condenação. Dessa forma, a venda do Galaxy 10.1 está barrada em 26 dos 27 países do bloco, sendo a Holanda a única exceção, graças a uma política diferenciada que ainda será discutida com a Apple.

Em desvantagem na guerra, a Samsung já tentou bloquear a importação do iPad e do iPhone, além de exigir que a concorrente mostrasse a ela seus próximos produtos com exclusividade, para evitar futuros plágios ou quebras de patente.

Cupons de desconto TecMundo: