Segundo a Nomura Securities, a Samsung está prestes a ultrapassar a Intel como a maior fabricante de semicondutores do mundo. A Intel segura a posição faz décadas, porém, as projeções de vendas do último trimestre da Sammy alcançam US$ 15 bilhões, enquanto a Intel ficará próxima, nos US$ 14,4 bilhões.

A Sammy cresceu bastante no último ano, principalmente por causa da grande demanda sobre memória DRAM e SSDs

Além de alimentar a própria linha de smartphones e tablets, Galaxy J, Galaxy A, Galaxy S e Galaxy Note, a Samsung também fabrica chips para diversas outras companhias no mercado — entre elas, até concorrentes. Hoje, a Sammy ainda anunciou um plano de US$ 18 bilhões para aumentar as plantas de fábricas que produzem chips.

A Intel lidera o mercado desde 1993, quanto lançou o primeiro processador Pentium, de acordo com o Korea Times. Na época, a Samsung ocupava a sétima posição no mundo como fabricante de semicondutores.

O relato também indica que a Sammy cresceu bastante no último ano, principalmente por causa da grande demanda sobre memória DRAM e SSDs (unidades de estado sólido).

Cupons de desconto TecMundo: