Durante a IFA 2015, a Samsung reservou um espaço para fazer o anúncio oficial de um de seus produtos que já havia dado as caras por aqui: o Gear S2. O novo smartwatch da sul-coreana representa uma evolução considerável em relação ao seu antecessor, especialmente se considerarmos o quesito design.

Equipado com o sistema proprietário da Samsung – o Tizen OS –, esse relógio inteligente é a nova geração do Gear S e abandona o display curvado, apostando em uma construção mais tradicional. Por conta disso, a tela diminuiu, mas permite mais discrição para quem o utiliza.

Samsung Gear S2 (foto capturada diretamente da IFA 2015).

Especificações técnicas do Samsung Gear S2

  • Sistema operacional: Tizen OS
  • Tela: AMOLED de 1,2 polegada
  • Resolução de tela: 360x360 pixels
  • Densidade de pixels: 302 ppi
  • CPU: dual-core de 1 GHz
  • Memória RAM: 512 GB
  • Armazenamento interno: 4 GB
  • Bateria: 250 mAh (Gear S2, Gear S2 classic); 300 mAh (Gear S2 3G)
  • Conectividade: NFC, Bluetooth 4.1 (Gear S2 classic); HSPA, NFC, Bluetooth 4.1 (Gear S2 3G)
  • Extra: certificação IP68, tecnologia e-SIM e carregamento sem fio
  • Dimensões: 42,3 x 49,8 x 11,4 mm (Gear S2); 39,9 x 43,6 x 11,4 mm (Gear S2 classic); 44 x 51,8 x 13,4 mm (Gear S2 3G)
  • Peso: 47 g (Gear S2); 42 g (Gear S2 classic); 51 g (Gear S2 3G)

Samsung Gear S2 (foto capturada diretamente da IFA 2015).

Design

O primeiro aspecto que chama atenção no Gear S2 é o seu formato circular. Diferente do que aconteceu com o antecessor, a Samsung apostou em um display reto e abandonou a ideia de uma tela curva que acompanha o contorno do pulso. A moldura giratório oferece uma nova forma de interação com o software.

A pulseira também mudou. Agora, fechos de metal se conectam em ambas as extremidades do relógio. Para soltá-lo, basta apenas puxar a alavanca para que o smartwatch se solte. A Samsung garante que está trabalhando com uma grande variedade de parceiros para oferecer diversas alternativas de materiais para as pulseiras do Gear S2.

Samsung Gear S2 (foto capturada diretamente da IFA 2015).

Modelos

Basicamente três variações do Gear S2 estarão disponíveis aos consumidores: o Gear S2, o Gear S2 com 3G e o Gear S2 Classic. O modelo tradicional e o com 3G trazem uma pulseira de borracha e uma construção mais simples. Aparentemente ele é mais flexível e confortável, além de trazer o formato de presilha tradicional. Já o Gear S2 Classic chega com uma pulseira de couro, oferecendo um design mais arrojado e perto do clássico.

As duas variações são construídas em aço inoxidável e possuem a proteção Gorilla Glass. Há dois botões físicos: um deles possui a função de voltar para a tela anterior, exatamente como acontece nos smartphones da marca; o outro aciona a lista de aplicativos.

Samsung Gear S2 (foto capturada diretamente da IFA 2015).

Tela

Por conta da mudança de design, a tela do Gear S2 também sofreu algumas alterações. O display plano possui 1,2 polegadas e sua resolução ficou em 360x360 pixels. A união desses dois aspectos resulta em uma densidade de pixels de 302 ppi.

O display do Gear S2 pode ser personalizado com as 26 opções de faces nativas que o aparelho possui. Quem desejar ainda pode usar uma foto para customizar a aparência do relógio, além de configurar como a tela se comporta em determinadas situações.

Samsung Gear S2 (foto capturada diretamente da IFA 2015).

Interface

Assim como aconteceu no antecessor, a Samsung aposta em seu sistema operacional proprietário, o Tizen OS, uma variação do Android que a empresa usa em seus smartwatches. O SO possui a identidade visual do TouchWiz em smartphones, mantendo o mesmo desenho dos ícones e botões.

A moldura circular do Gear S2 é uma das novas formas concebidas pela Samsung para interagir com o relógio. Muito semelhante à coroa giratória do Apple Watch, esse mecanismo permite que os usuários naveguem por menus e realizem ações que harmonizem com o movimento realizado.

Samsung Gear S2 (foto capturada diretamente da IFA 2015).

Desempenho

Nesse ponto, podemos destacar que o Gear S2 não deve apresentar uma melhoria de desempenho significativa quando comparado ao seu antecessor. E dizer isso é um pouco estranho, pois não há aplicativos que rodam com lentidão no sistema operacional. Apenas não houve uma evolução se levarmos em conta o processador, memória RAM e armazenamento interno.

Como os apps são bem otimizados, é difícil encontrar um programa que não vá rodar com leveza no Gear S2. Os dois núcleos de processador rodando a 1 GHz e os 512 MB de memória RAM devem ser capazes de dar conta de todas as atividades dos usuários.

Samsung Gear S2 (foto capturada diretamente da IFA 2015).

Bateria

A bateria do Gear S2 é relativamente pequena – apenas 250 mAh ou 300 mAh, dependendo do modelo –, mas condizente com o consumo do aparelho. Com isso, a Samsung garante que o dispositivo será capaz de aguentar até três dias longe das tomadas.

Parece pouco, mas é uma média que está acima do apresentado por outros aparelhos da categoria. O destaque vai para o sistema de carregamento implementado pela Samsung, que vai oferecer a possibilidade de encher a carga do Gear S2 através de carregadores sem fio.

Samsung Gear S2 (foto capturada diretamente da IFA 2015).

.....

Apresentado apenas recentemente, ainda é cedo para dizer se o Gear S2 é um aparelho que vai agradar ao público. Ainda indisponível para o mercado, esse relógio inteligente deverá chegar aos consumidores dos Estados Unidos em outubro, rivalizando com os outros dispositivos desse segmento.

Samsung Gear S2, o novo smartwatch da Samsung. O que você achou desse relógio inteligente? Comente no Fórum do TecMundo!

Cupons de desconto TecMundo: