As galáxias da Samsung continuam se expandindo pelo mercado de eletrônicos portáteis. Apesar da brincadeira, há também um conteúdo interessante nessa frase, afinal de contas, não há como negar que a empresa continua firme em sua missão de oferecer todos os tipos possíveis de smartphones para o mercado.

Dessa forma, vale apontar também que aos poucos a família S4 vem se tornando uma das maiores quando o assunto é falar dos aparelhos Galaxy, da Samsung. Aqui no Tecmundo nós já analisamos o S4 quad-core, o S4 octa-core, o S4 Zoom e o novo membro da família, o S4 Mini. Faltava o irmão “aventureiro”: o Galaxy S4 Active.

Voltado às funcionalidades mais “outdoor”, vamos dizer assim, o Active vem com um corpo diferenciado, mais forte e que promete vencer desafios como a poeira e a água – inclusive tirando fotos e fazendo vídeos submersos e em 1080p. Confira o que achamos de mais essa opção trazida pela Samsung na família S4.

Especificações

Especificações do Galaxy S4 Active (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Testes de benchmark

Testes: Vellamo (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

 Testes: AnTuTu (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Aprovado

Design de construção

Se existe uma coisa que dificilmente muda na linha Galaxy é o visual dos aparelhos. Com transformações discretas, a Samsung costuma manter uma identidade muito parecida entre os seus produtos.

Vale lembrar que isso é sempre motivo de discussão, uma vez que se há aqueles que aprovam essa opção da companhia sul-coreana, existem outros que acreditam que já passou a hora de a empresa inovar. Aqui, essa política teve que ser deixada de lado, de forma que o S4 Active tem um visual bem diferente.

Samsung Galaxy S4 Active (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Para construir um gadget à prova d’água, a Samsung precisou mudar bastante o design tradicional visto em outros aparelhos. Essa alteração, por sinal, o deixou mais pesado, fazendo-o chegar à marca dos 154 gramas, um pouco mais do que os 130 do S4 oficial.

Em vez de lançar mão de tecnologia digital, o gadget traz agora os botões Home, Opções e Voltar em formato físico, algo que já contribui para dar esse novo visual ao smartphone. A posição dos botões de volume bem como do power continuam as mesmas, mas eles trazem uma construção emborrachada, diferente da comumente utilizada. As partes superior e inferior do aparelho também são emborrachadas.

Além disso, a entrada do cabo multifuncional conta com uma tampinha, também de borracha, que impede a entrada de água e sujeira nesses contatos. Aqui, podemos dizer que é chato ter que ficar “desconectando” essa proteção toda vez que quer ligar um cabo no aparelho.

Proteção emborrachada (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

O corpo até lembra o metal, contudo, ainda é o plástico a principal matéria-prima do S4 Active. Na parte traseira você encontra os parafusos nos cantos em evidência, algo que dá uma aparência mais firme ao aparelho.

E é na tampa traseira que aparece a responsável por impermeabilizar o gadget. Uma borracha na parte de dentro da tampa se encaixa no corpo e tem a missão de impedir que a água chegue aos elementos vitais do smartphone.

Desempenho

Assim como os outros aparelhos da linha Galaxy S4, podemos falar com extrema tranquilidade que o S4 Active pode encarar praticamente qualquer parada. Vale lembrar que o gadget tem um hardware muito parecido com o encontrado no S4 “normal”, ou seja, já conta com uma extensa lista de elogios.

Jogos pesados (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

O processador Qualcomm Snapdragon 600 quad-core de 1,9 GHz pode não ser o top de linha presente no mercado, mas ele dá conta do recado com propriedade. Aliado aos 2 GB de memória RAM, o hardware em geral garante uma excelente experiência de uso. Nos testes, rodamos mais de dez programas ao mesmo tempo, alternando entre os aplicativos sem encontrar qualquer problema.

Além disso, podemos afirmar que não há nada na Google Play que o S4 Active não possa rodar, sejam jogos de última geração ou programas com funções específicas. Temas pesados e vídeos em Full HD não encontraram nenhuma resistência para funcionar no aparelho.

Funções mantidas

Falando em poder, a Samsung manteve no S4 Active praticamente todas as novas ferramentas disponibilizadas no S4 “oficial”. Dessa forma, os gestos no ar, o “S Health” e o “Group Play”, enfim, todas aquelas novidades também estão aqui.

Apps característicos do S4 (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Além disso, uma função que tem um pouco a ver com o estilo aventureiro do Active foi adicionada. Você pode transformar o botão de volume em um atalho para uma lanterna, ativando o LED de flash da parte traseira do smartphone.

A interface TouchWiz, presente em toda a linha de aparelhos da Samsung, recebeu melhorias e está mais refinada. O menu de acesso rápido, na lateral esquerda da tela, continua sendo um recurso eficiente para quem não quer perder muito tempo e deseja utilizar dois programas simultaneamente na tela.

As ferramentas propostas pela Samsung acrescentam recursos úteis ao Android, tornando a experiência de uso ainda mais dinâmica e funcional. Além dos citados acima, os falados “S Translator”, “WatchON”, “Story Album”, além de vários outros, também estão disponíveis. Você pode conferir detalhes sobre cada uma das ferramentas na análise feita com o Samsung Galaxy S4 clicando aqui.

Display

Uma das grandes mudanças do S4 Active está no display. Aqui, o Super AMOLED foi trocado pelo TFT, tudo para que as tecnologias do gadget sejam adaptadas aos seus grandes diferenciais, que são resistir ao pó e à água.

Samsung Galaxy S4 Active (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Se há alguma diferença negativa, essa pode ser percebida na queda do contraste, que acaba sendo um pouco pior na tela TFT. Além disso, as cores escuras, como o preto, por exemplo, acabam ficando um tanto acinzentadas, algo que pode incomodar os mais perfeccionistas.

Em contrapartida, por contar com um backlight na parte traseira, esse display tem um brilho muito maior, algo que deixa a sua visualização mais bonita em muitas situações e que pode dar mais qualidade a jogos e filmes. O Full HD foi mantido, ou seja, imagens e vídeos podem ser reproduzidos com maestria.

Como a tela continua com tamanho de 5 polegadas, a densidade de pixels é a mesma, ou seja, incríveis 441 ppi. Além disso, algumas das tecnologias do display do S4 oficial continuam por aqui, como o recurso floating touch, por exemplo.

Câmera

Pelo menos no que diz respeito aos megapixels, a câmera do S4 Active recebeu um downgrade significativo, ou seja, foi piorada em relação ao S4 oficial. Nessa versão do aparelho ela tem “apenas” 8 megapixels, contra 13 do seu irmão mais famoso.

Fotos ficam muito boas quando há bastante iluminação (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Apesar disso, as fotos não perdem tanto assim em qualidade. Imagens feitas à luz natural, por exemplo, mostram cores vibrantes e bonitas. Problemas e uma experiência pior aparecem somente em imagens feitas em ambientes bem mais escuros.

Já alguns dos filtros e funções da câmera apresentados no lançamento do S4 foram mantidos, como “Melhor foto”, “Foto animada”, “Som e foto”, “Esportes”, entre outros. Aqui, o diferencial fica por conta das fotos e vídeos que podem ser feitos embaixo d’água, com o aparelho totalmente submerso.

AmpliarCâmera do S4 Active (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Além de disponibilizar um filtro específico para essas situações, o S4 Active ainda deixa que você utilize os botões físicos de volume para operar a câmera, algo muito útil.

Bateria

O desempenho da bateria foi compatível com o esperado para o S4 Active, principalmente se ele for comparado com o do S4 oficial. O gadget não foi testado com a conexão 4G ativada, porém, em nossas avaliações de bateria com vídeos em HD, ele foi capaz de rodar até 5 horas de filmes em alta qualidade de forma ininterrupta.

Samsung Galaxy S4 Active (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Há uma queda de desempenho com relação ao S4, contudo, vale lembrar que a backlight presente na tela do Active pode ser a grande responsável pode esse consumo um pouco maior, pois a “força” de iluminação presente aqui é um pouco maior.

Som

Quanto ao áudio do S4 Active, assim como pudemos observar durante a análise do Galaxy S4, aqui também é possível dizer que não há nenhuma grande surpresa positiva ou negativa. O volume dos alto-falantes é satisfatório e não há distorções no áudio quando o aparelho toca em volume moderado. O som, no entanto, pode embolar um pouco quando o volume do gadget está no máximo.

Os fones de ouvido que acompanham o aparelho são “normais” e seguem o mesmo padrão de construção dos fones presentes em praticamente todos os outros aparelhos da linha Galaxy da companhia sul-coreana. Dessa forma, também não há novidades nesse quesito.

Molhei, sujei e não me importei!

O S4 Active traz um nome e uma construção que sugerem a sua utilização em ambientes mais rústicos, querendo, talvez, conquistar os aventureiros de plantão. Durante os testes, derrubamos o aparelho na água e o enterramos na sujeira. Tudo isso não porque não gostamos do aparelho, mas sim para testar a eficiência do chamado IP67, que deixa o gadget resistente a essas situações mais extremas.

Dentro da água (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Em nossos testes, a tela do aparelho continuou funcionando e exibindo imagens. O touchscreen, como já era de se esperar, parou de responder, entretanto, ainda assim o S4 Active se mantém acessível por meio das teclas de volume – isso somente para controle da câmera.

Falando no acessório, fotos e vídeos puderam ser feitos normalmente, mesmo embaixo d’água. A qualidade dessas imagens, no entanto, não se mantém fiel àquela das fotos feitas anteriormente, com a câmera “seca”. Assim, o acessório funciona mais como um quebra-galhos do que um grande diferencial para o smartphone.

Reprovado

Eu não posso sair jogando o meu smartphone dentro da piscina?

É sensacional você poder afundar o seu smartphone, aquele que usa no dia a dia, dentro d’água para tirar algumas fotos. Contar com ele para produzir imagens legais das suas férias é praticamente um sonho virando realidade, afinal de contas, assim você dispensa o uso de vários equipamentos especializados para essa função.

Samsung Galaxy S4 Active (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

O gadget, contudo, não nos passou muita segurança durante os testes, nos deixando ressabiados quanto à confiabilidade dessa impermeabilização disponibilizada pela nova construção do Galaxy S4 Active.

Isso porque duas tampas são extremamente importantes para que tudo ocorra bem. A primeira delas é a tampinha da entrada do cabo USB, feita de borracha e que deve ser totalmente fechada para proteger os circuitos de ligação. A outra, a tampa principal do aparelho, protege a bateria e demais “acessos”, posicionados na parte traseira dentro do smartphone. Aqui, vale destacar que somente uma pequena tira de borracha é a responsável por isolar essa parte da água.

Pois bem, em nossas avaliações, fechamos a tampinha exatamente como a Samsung recomenda, cuidando com cada lado, cada centímetro do aparelho, e nos certificando de que estávamos apertando bem todos os cantos, inclusive a parte do meio, que é a região da câmera.

Mesmo assim, em pelo menos três das nossas avaliações, após retirarmos o gadget da água havia rastros do líquido sobre a bateria e alguns componentes, algo que compromete de forma decisiva o grande diferencial do S4 Active. Relatos da internet citam ocorrência de bolhas no momento em que o aparelho é afundado, o que também preocupa bastante, afinal de contas, isso significa que há uma saída (e consequentemente uma entrada) não vedada no gadget.

Usar a câmera pode ser arriscado (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Assim, em vez de ter sido feito para ser afundado na água com tranquilidade, o smartphone parece mais um gadget “à prova de desastrados” e que pode se manter intacto em algumas situações muito mais comuns do que imaginamos.

Ou seja, ele é mais indicado para casos como o de você estar naquela chuva inesperada com o celular sem nenhum bolso “seguro” disponível, derrubar o aparelho dentro da pia cheia d’água ou mesmo virar um copo de suco sobre a sua tela.

Por fim, vale lembrar que o áudio do S4 Active perde boa parte da sua efetividade na água. Além disso, os microfones não funcionam, ou seja, se você pensa em utilizá-lo durante o banho, pode esquecer.

Ele esquenta, de forma que um banho vai bem!

Durante os nossos testes, pudemos perceber que o S4 Active esquenta um pouco mais que o seu irmão quad-core. O calor sobe rapidamente de forma que ele chega até mesmo a lembrar a versão do S4 que traz processador de oito núcleos e que chegou a virar meme na internet devido ao superaquecimento.

Em algumas avaliações, quando foi mais exigido, o gadget chegou a passar um pouco dos 40 graus na região da câmera traseira, algo perceptível na pegada. Ou seja, um banho para refrescar o smartphone pode até fazer bem para o aparelho!

Posso apagar alguns desses aplicativos? Não!

Assim como na versão oficial do S4, o Active oferece uma grande quantidade de aplicativos para o usuário e que vêm instalados juntamente com o sistema operacional. Quanto a isso, a Samsung está de parabéns e apresenta um smartphone recheado de opções.

Porém, se você não gostar de algum deles, nada mais natural do que poder desinstalá-los, correto? Bem, no Galaxy S4 há quase 20 programas que não podem ser desinstalados. Desde jogos em versão promocional até aplicativos de turismo e chat, nenhum deles pode ser excluído de forma simples, da mesma maneira que você exclui um app baixado do Google Play.

Vale a pena?

O S4 Active é a tentativa da Samsung de agradar aos mais aventureiros, oferecendo um aparelho que pode ser mais atraente para aqueles que vivem de forma mais intensa que os clientes urbanos, mais tradicionais.

Aparelho tem visual diferenciado (Fonte da imagem: Divulgação/Samsung)

Apesar de trazer algumas mudanças importantes em relação ao Galaxy S4 oficial, como uma câmera inferior e um display TFT, o aparelho não fica devendo em qualidade. O seu hardware poderoso continua, assim como a excelente definição de imagem da tela.

Os seus recursos para a proteção contra a água, no entanto, nos deixaram um tanto desconfiados. A capa não passa muita segurança e, entre um mergulho e outro, componentes importantes do seu smartphone podem acabar sendo danificados pela água – o que pode lhe render muita dor de cabeça caso algo dê errado.

Como não se trata de um aparelho barato, custando o mesmo que um Galaxy S4 normal (entre R$ 1.790 e R$ 2.290 em lojas online, dependendo do método de pagamento), vale a pena pensar bem antes de comprar um gadget achando que poderá sair jogando o aparelho dentro da piscina.

Assim, o Samsung Galaxy S4 Active parece muito mais um smartphone “à prova de desastrados” do que, de fato, um aparelho feito para os aventureiros de plantão. Assim, o recomendado é que você continue confiando mais na sua GoPro do que arriscando o seu smartphone em situações mais extremas.

Cupons de desconto TecMundo: