Embora a DARPA Robotics Challenge da semana passada tenha mostrado alguns tombos pra lá de engraçados e revelado claramente que muitos robôs autônomos ainda são incapazes de executar tarefas simples, como abrir portas ou subir escadas, muitas empresas estão investindo somas pesadas de dinheiro para mudar esse cenário.

A Ocado, um supermercado focado em compras online, está trabalhando junto com União Europeia para desenvolver o SecondHands, um robô-assistente que será capaz de aprender e executar tarefas das mais variadas.

Humanoide eficiente

O robô está sendo projetado para ajudar humanos em fábricas e realizar outras tarefas em que a exposição de pessoas seria muito arriscada. O androide contará com visão em 3D capaz de distinguir cores e profundidade e também com algoritmos avançados de inteligência artificial que permitirão um fluxo de aprendizagem intuitivo em qualquer tipo de atividade.

Os primeiros protótipos devem começar a operar nas fábricas da Ocado nos próximos 18 meses, e uma versão totalmente funcional do SecondHands para a indústria tem previsão de lançamento para 2020. Segundo a Ocado Technology, o seu robô será tão rápido e versátil quanto um humano.

Graham Deacon, líder de pesquisa robótica da Ocado, disse que o maior desafio é fazer com o que robô seja proativo, compreendendo as tarefas que devem ser executadas para fazer algo realmente útil. O pesquisador também comentou que eles querem que os robôs sejam rápidos e inteligentes o suficiente para que técnicos se sintam confortáveis trabalhando e interagindo com eles.

Cupons de desconto TecMundo: