(Fonte da imagem: Reprodução/The Verge)

Um lobo ou qualquer outro animal quadrúpede que tenha característica veloz provavelmente não alcança os números que o robô Cheetah, da Boston Dynamics, consegue atingir. Em vídeo divulgado pela companhia, o quadrúpede em latas mostra mais eficiência em sua corrida ao fazer uso de motores e alcança até 22 km/h carregando a própria fonte de energia.

O robô, demonstrado no Institute of Technology, ainda precisa de alças complementares que auxiliam no equilíbrio e estabilidade da corrida em uma dimensão, evitando assim que o quadrúpede cambaleie para os lados e acidentalmente role ou sofra qualquer outro imprevisto – o que, diga-se de passagem, poderia ser um “tombo” muito caro.

No vídeo abaixo, observe que o robô tem dois tipos de corrida: a natural e a cavalgada, em que o “animal” se posta de maneira mais firme e constante. Essa eficiência ocorre pela utilização de motores elétricos sobre hidráulicos e um novíssimo motor de sincronia de magneto permanente de três fases, o que fornece a rotação necessária. Confira:

Outra artimanha da equipe de pesquisa foi o uso de princípios biométricos para conservar a energia e reduzir a tensão nas juntas.

Em palavras resumidas, todas essas melhorias significam – em teoria, vale ressaltar – que o robô Cheetah pode correr enquanto carrega sua própria fonte de energia. Claro que tudo ainda está em fase de testes e só podemos conferir protótipos por enquanto. Seria uma trapaça utilizar um “cão” desses em corridas!

Cupons de desconto TecMundo: