TikTok tem onda de fake news sobre violência em escolas nos EUA

1 min de leitura
Imagem de: TikTok tem onda de fake news sobre violência em escolas nos EUA
Imagem: Shutterstock
Avatar do autor

A rede social TikTok gerou momentos de tensão na última sexta-feira (17) nas escolas dos Estados Unidos. Isso porque uma série de rumores que começaram na plataforma gerou até mesmo o cancelamento de aulas em escolas de diveros estados norte-americanos.

Segundo a CNN, tudo começou com uma "onda de desinformação" no TikTok, com a alegação de que diversas postagens que alertavam para um dia de violência escolar em 17 de dezembro foram publicados.

Os vídeos supostamente alertavam estudantes e pediam para que eles evitassem comparecer aos colégios, alguns inclusive citados pelo nome.

O Departamento de Segurança Nacional dos EUA alegou que não havia qualquer evidência de que as mensagens eram verdadeiras. O próprio TikTok negou que tenha encontrado qualquer ameaça do tipo, apenas repercussões e pessoas comentando a notícia.

Durante a tarde, a rede social começou a apagar essas postagens de repercussão, com medo de que o conteúdo levasse a um pânico nas escolas ou até resultasse em atos de verdade.

O que é verdade nessa história?

Até agora, não há uma explicação concreta do que de fato aconteceu. As mensagens sobre uma data com violência escolar ao redor do país, um problema sério e crônico nos EUA, teriam começado como um desafio na rede social.

A plataforma ainda criticou os veículos de imprensa que teriam divulgado as notícias sem terem visto as tais publicações.