Black & Black: rede social para negros é espaço de acolhimento

1 min de leitura
Imagem de: Black & Black: rede social para negros é espaço de acolhimento
Avatar do autor

Idealizada por Celso Athayde, presidente-executivo da Favela Holding – conglomerado de empresas que atendem a comunidade periférica –, a Black & Black é uma rede social criada especialmente para responder aos anseios de pessoas afrodescendentes, juntando características de outras redes sociais populares, mas apresentando um ambiente em que negros e negras se sintam mais à vontade para expor suas ideias e seus pensamentos.

Espaço de acolhimento

A princípio, alguns usuários podem entender a Black & Black como um movimento de segregação, mas ela não proíbe a entrada de pessoas de outras etnias, justamente para evitar o racismo.

Rede social quer funcionar como espaço de acolhimentos para afrodescendentes.Rede social quer funcionar como espaço de acolhimentos para afrodescendentes.Fonte:  UOL Tilt/Reprodução 

A rede foi criada em 2018 e tem operado em caráter experimental desde então, com novos recursos sendo introduzidos aos poucos. Atualmente, há 98 mil usuários cadastrados, e várias personalidades famosas já aderiram à plataforma, como MV Bill, Hélio de La Peña, KondZilla, Lázaro Ramos e Taís Araújo.

A Black & Black mescla recursos de Facebook, Instagram, Twitter e até de salas de bate-papo, além de funcionar como um espaço para o debate de ideais políticos. A proposta é que pessoas negras tenham uma plataforma digital em que possam expor ideias, pensamentos e experiência de vida, sem se sentirem censuradas por pessoas com modos de vida completamente diferentes.

Black & Black apostou em nome em inglês para alcançar público estrangeiro.Black & Black apostou em nome em inglês para alcançar público estrangeiro.Fonte:  UOL Tilt/Reprodução 

Black & Black será lançada em novembro

O plano é que a versão final da Black & Black seja lançada no dia 20 de novembro – Dia da Consciência Negra no Brasil – e atinja 2 milhões de usuários até 1º de janeiro de 2021.

A rede social conta com um sistema de selos que bonifica os usuários, conforme eles ganham seguidores e se destacam na plataforma, independentemente de serem anônimos ou famosos.

Sobre a privacidade, o funcionamento da Black & Black será semelhante ao de outras redes sociais, que usam os dados dos usuários para segmentar anúncios e desenvolver novos recursos.

Black & Black: rede social para negros é espaço de acolhimento