Nancy Pelosi critica Facebook: rede social só pensa em dinheiro

1 min de leitura
Imagem de: Nancy Pelosi critica Facebook: rede social só pensa em dinheiro
Avatar do autor

Nancy Pelosi, Presidente da Câmara dos Estados Unidos, criticou fortemente o Facebook durante uma declaração à imprensa nesta quinta-feira (16). Segundo a norte-americana, a maior rede social do mundo está somente focada em ganhar dinheiro, não se importando em divulgar a verdade.

Em resposta a uma pergunta se o Facebook e seu CEO, Mark Zuckerberg, têm poder demais, Nancy declarou: “Eu acho que eles têm sido muito abusivos em relação à grande oportunidade que a tecnologia deu a eles.”. Não é de hoje que o Facebook tem sido alvo de críticas, sobretudo quando o assunto é sua política de propagandas.

No começo deste mês, a companhia fez algumas atualizações que permitem ao usuário um maior controle sobre os anúncios que aparecem em sua tela. No entanto, ainda é possível divulgar mentiras ou até mesmo começar uma propaganda política através dos anúncios, como Trump tem feito.

(Fonte: ABC News/Reprodução)

Pelosi condenou o comportamento do Facebook, declarando que sua postura é "vergonhosa" e revelou que a empresa disse “muito claramente que pretende ser cúmplice por enganar o povo norte-americano".

A política teve um conflito com a rede social em 2019 devido a um vídeo que sugeria que ela estava bêbada. Em junho, Zuckerberg fez uma declaração sobre o vídeo que viralizou, afirmando que o Facebook agiu o mais rápido possível para sinalizá-lo como falso.

Facebook sob investigação

O deputado David Cicilline está liderando um grupo de parlamentares da Câmara que iniciou um processo de investigação contra a rede social, além de outras empresas como GoogleAmazon sobre possíveis abusos de poder de mercado e violações da lei antitruste.

Quando a investigação terminar, é possível que regulamentações sejam aplicadas às empresas. A administração de Trump também já ameaçou regulamentar o Facebook, após acusar a rede social de censurar os republicanos. No entanto, depois de uma reunião de portas fechadas com Mark Zuckerberg, os republicanos pararam de acusar a plataforma de censura e a administração de Trump não fez mais comentários sobre a situação.

Nancy Pelosi critica Facebook: rede social só pensa em dinheiro