YouTube retira vídeos de lutas de robôs alegando abuso animal

1 min de leitura
Imagem de: YouTube retira vídeos de lutas de robôs alegando abuso animal
Avatar do autor

O YouTube retirou do seu sistema uma série de vídeos, e o motivo para a exclusão do conteúdo foi a alegação de presença de abuso animal no material. No entanto, a internet tem questionado a ação da plataforma, pois, segundo os usuários, os vídeos excluídos mostrariam apenas lutas de robôs e não teriam infringido nenhuma das regras da comunidade.

A ação do YouTube fez com que muitos usuários se pronunciassem sobre o tema. O canal Maker's Muse publicou um vídeo com histórias de produtores de conteúdo que foram afetados, e o questionamento apresentado tem relação com o sistema adotado. Aparentemente, o algoritmo está excluindo todos os vídeos sinalizados como impróprios sem que haja uma revisão humana.

O youtuber mostra dois relatos de pessoas que tiveram seus vídeos deletados. As alegações são de que os conteúdos não tinham nenhum conteúdo que ferisse as regras da plataforma. Nos prints apresentados, havia a notificação do YouTube de que o conteúdo apresentava violência animal.

Maker's Muse apresentou prints sobre o caso. (Fonte:  Maker's Muse/Reprodução)

YouTube não se pronunciou sobre o caso

A plataforma não divulgou nenhuma informação sobre os casos, e os questionamentos dos produtores de conteúdo permanecem. Segundo eles, lutas de robôs são eventos que têm ganhado fama, com todos os cuidados em relação à segurança sendo tomados pelos organizadores.

Periodicamente, a plataforma realiza uma limpeza em seu servidor para evitar que materiais considerados impróprios permaneçam na mídia social. A sinalização é realizada pelos próprios usuários enquanto assistem aos vídeos, indicando qual seria o problema sempre que observam qualquer conteúdo impróprio

Após a sinalização, o vídeo deveria passar por uma revisão para confirmar a presença de conteúdo sensível. Nas regras de utilização do YouTube, vídeos com violência animal, incitação ao ódio, conteúdo sexual e assédio, por exemplo, não são permitidos.

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
YouTube retira vídeos de lutas de robôs alegando abuso animal