Imagem de: Loja marca Kim Kardashian no Instagram e perde US$ 2,8 milhões na Justiça
Fonte: kimkardashian/instagram

Loja marca Kim Kardashian no Instagram e perde US$ 2,8 milhões na Justiça

1 min de leitura
Avatar do autor

Kim Kardashian West ganhou cerca de 2,8 milhões de dólares em ação judicial movida contra uma loja britânica de fast fashion (moda rápida) chamada Missguided. A empresa teria sido acusada de copiar e comercializar modelos de roupas da estrela de reality show assim que ela os postava em sua conta oficial no Instagram. Para completar, a loja ainda marcava Kim Kardashian West em todas essas postagens e, portanto, repassava a impressão de que suas roupas tinham a tutela da socialite.

Segundo o site The Verge, West teria alegado na ação judicial que a Missguided lucrou com sua imagem e usou sua “persona e marcas registradas” sem permissão. Além disso, teria proibido a varejista de relacionar seu nome e marcas registradas em ações de “venda, marketing e distribuição”.

Loja é acusada de vender réplicas de roupas de Kim Kardashian West e postá-las no Instagram. (Fonte: The Verge/Reprodução)

Loja nunca respondeu ao processo

No entanto, não está claro se de fato a loja infringiu alguma lei, pois ela nunca respondeu ao processo. Esse, então, seria o motivo de o resultado ter sido favorável para a famosa. Nesse caso, a empresa de fast fashion terá que arcar com 2,7 milhões de dólares por danos e 59,6 mil dólares de honorários advocatícios.

Ainda de acordo com o The Verge, o documento do processo aponta que esse tipo de atividade poderia levar as pessoas a acreditarem erroneamente que a marca estaria relacionada a Kim Kardashian West. “E, de fato, os consumidores já expressaram tamanha confusão, sugerindo em postagens de mídias sociais e artigos online que os demandantes devem estar em uma ‘colaboração’ com a Missguided”, completa o texto.

No início do ano, a estrela inclusive demonstrou sua insatisfação com esse tipo de negócio, por meio de um post no Instagram. Até o momento, Missguided apenas apagou uma foto em que marcava Kim Kardashian West, e não se sabe o motivo de a loja nunca ter respondido ao processo.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Loja marca Kim Kardashian no Instagram e perde US$ 2,8 milhões na Justiça