Conheça a mulher que ganha para 'xavecar' pessoas para você no Tinder

2 min de leitura
Imagem de: Conheça a mulher que ganha para 'xavecar' pessoas para você no Tinder
Avatar do autor

No mundo da literatura, são famosos os “ghost writers”, ou escritores-fantasma, pessoas que escrevem textos ou livros inteiros, mas não ganham os créditos pela obra – a pessoa que os contratou que acabam assinando o trabalho como se fosse deles. Agora, imagine levar esse conceito para o Tinder e outros aplicativos de encontros. É isso mesmo: você pode contratar alguém para se passar por você no app até conseguir sair com a pessoa que gostaria.

Pelo valor salgado que Golden cobra, o serviço não fica só no arrastar a tela do app para um lado ou outro e na arte do xaveco

É assim que Meredith Golden ganha a vida há quatro anos. Ela cobra US$ 2 mil, cerca de R$ 7,5 mil, por mês para assumir o seu perfil em aplicativos como o Tinder, selecionando homens interessantes para você e, mais importante ainda, jogando aquele charme infalível para cima deles até que aceitem um encontro na vida real. E só aí é que você entra em cena.

Ajuda na vida real também

Pelo valor salgado que Golden cobra, o serviço não fica só no arrastar a tela do app para um lado ou outro e na arte do xaveco – ela mantém uma lista de caras “intragáveis”, que são cortados já no início do processo de seleção. Entre eles estão os piores, aqueles que fazem comentários racistas, machistas e outras coisas inaceitáveis, e os que são apenas uma má companhia, como um cara que usou fio dental para limpar os dentes na mesa do restaurante em um primeiro encontro.

A maioria dos clientes de Golden é composta por mulheres de 22 a 71 anos e que possuem alguma trava na hora de conhecer novas pessoas

Além disso, Golden também serve como assistente e dá dicas para a hora em que ela precisa sair de cena, ou seja, o encontro na vida real. Ela analisa posteriormente tudo o que aconteceu durante o passeio romântico e ajuda suas clientes nos próximos passos – sejam eles dar aquele chá de sumiço no boy ou apostar mais fichas em algo que pode dar bons frutos.

Quem precisa de ajuda?

A maioria dos clientes de Golden é composta por mulheres de 22 a 71 anos e que possuem alguma trava na hora de conhecer novas pessoas e, ainda mais, interagir com elas cara a cara. Os casos são variados – desde garotas muito tímidas, algumas que não levam jeito para encontros, outras recém-saídas de longos relacionamentos e que não fazem isso há muitos anos e muitas que ainda não se adaptaram a esse mundo moderno de aplicativos de paquera.

O que você acha desse emprego: ganhar dinheiro para arrumar encontros para outras pessoas no Tinder? Parece uma maneira interessante de ganhar dinheiro, mas será que é fácil ter as habilidades que Golden tem? Você utilizaria um serviço desse para se dar bem romanticamente? Deixe sua resposta aqui nos comentários!

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Conheça a mulher que ganha para 'xavecar' pessoas para você no Tinder