Você tem até 5 de fevereiro para salvar suas fotos do Flickr

1 min de leitura
Imagem de: Você tem até 5 de fevereiro para salvar suas fotos do Flickr
Avatar do autor

Você curte fotografia? Se sim, é bastante provável que utilize o Flickr para armazenar suas imagens, divulgá-las em grupos, interagir com outros fotógrafos, etc. Porém, a má notícia é que a plataforma irá deletar as imagens das contas gratuitas que possuem mais de 1000 fotos.

Acontece que, no começo do ano passado, o Flickr foi vendido para uma empresa chamada SmugMug, conhecida por seu conteúdo de fotografia. Até aí, tudo bem, mas o problema é que a empresa anunciou em novembro que pretendia acabar com o armazenamento ilimitado de imagens oferecido pelo site no dia 8 de janeiro.

 

Assim, quem quiser manter seu plano gratuito poderá armazenar até mil imagens em sua conta. Caso o usuário tenha uma quantidade de fotos em sua conta que vão além deste limite, elas simplesmente não serão exibidas – e, após o dia 5 de fevereiro, as fotos “extras” serão deletadas, começando pelas imagens mais antigas da conta. Além disso, também não é possível fazer uploads de fotos caso você já tenha alcançado o limite.

Com isso, sobram duas opções: pagar uma assinatura de 5 dólares mensais e continuar fazendo upload de quantas fotos quiser ou simplesmente fazer o download das imagens para o computador. Para poder baixar o conteúdo do seu perfil, basta acessar as configurações e rolar a tela até ver o botão para solicitar os dados da conta. Pode ser que demore um pouco, mas você irá receber um link de download do conteúdo.

E depois?

Uma boa ideia é armazenar estas imagens em alguma plataforma de armazenamento na nuvem, como o Google Photos. Trata-se de um serviço que permite que o usuário armazene até 15GB de dados, basta ter uma conta do Gmail. Caso você seja um usuário da Apple, não tem problema; é só utilizar o iCloud. A Amazon também disponibiliza 5GB de armazenamento para usuários do Amazon Prime.

Outra possibilidade é armazenar suas imagens em um HD externo, por exemplo. Claro que é pouco provável que você vá ficar olhando as imagens do dispositivo com frequência, mas pelo menos elas estarão em um local confiável e seguro. Caso você seja adepto das imagens físicas, é possível revelar suas favoritas também.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Você tem até 5 de fevereiro para salvar suas fotos do Flickr