O Twitter está se empenhando para facilitar, e estimular, o início de conversas entre seus usuários. Para isso, a empresa liberou versões de testes ente seus funcionários, para que eles possam testar as novas funções antes delas serem, finalmente, implementadas numa possível versão final.

Seguindo os passos do Facebook, o Twitter tem tentado se tornar um ambiente menos hostil. Pelo que se sabe, discussões que desencadeiam comentários raivosos têm afastado boa parte dos usuários de rede sociais. Esse foi um dos motivos pelos quais o Facebook diminuiu o alcance de publicações de notícias com links externos e aumentou o alcance de publicações com conteúdo próprio. Atualmente, o Twitter mantém equipes trabalhando para suavizar o teor das discussões na plataforma.

Ao mesmo tempo, a companhia está focando em melhorar a experiência dos usuários que buscam iniciar bate-papos. Numa reunião entre seus executivos, o diretor de design mostrou algumas das funções que estão sendo testadas.

Confira alguns dos novos recursos que estão em teste:

Respostas destacadas

As respostas aos tweets ficam destacadas numa cor diferente, para dar a impressão de ser uma conversa entre amigos e atrair novos comentários.

Campo de resposta aos tweets

Embora seja possível responder aos tweets pelo balão de conversação, vários novos usuários não descobrem a função de imediato. Por isso, adicionar um campo de resposta se torna uma segunda, e mais visível, alternativa.

Indicador de presença

Já que alguns usuários estão mudando o nome de exibição para sinalizar que estão disponíveis naquele momento, testar um botão que faça isso de forma direta se torna bem viável.

“Quebra-gelo” iniciando um tweet fixo

Que tal uma frase para “quebrar o gelo” no topo do perfil? Talvez ela ajude os seguidores a “entrar no clima” do que se pretende discutir ou falar sobre.

Indicador de presença no status

Esta função serviria como um “status do status”, ou seja, ao tweetar, o usuário não teria mais a necessidade de incluir hashtags para informar o tema, a menos que o tweet fosse sobre um novo assunto. Isso também facilita aos seguidores identificar o tema do tweet, uma vez que, em hashtags, costuma-se usar abreviações.

 

Na ocasião, a direção do Twitter ainda aproveitou para informar que tem se concentrado em melhorar a plataforma, se esforçando para atender ao feedback a respeito dos testes, ao invés de incluir funções em suas versões finais e aguardar a posterior reação dos usuários.