De vez em quando, certos padrões surgem nas fotos do Instagram e acabam contagiando todo mundo. São certas poses, pontos de vista, objetos fotografados, qualquer coisa que entre na moda de ser registrada e postada na rede social. E quando isso acontece, todo mundo usa e abusa daquilo em seus álbuns de fotos para que todos vejam como a pessoa está por dentro das tendências.

A polícia disse aos donos da fazenda que pais estavam cruzando quatro faixas de tráfego com carrinhos de bebê

Seja como for, a mais nova moda do Instagram fez com que uma fazenda de girassóis no Canadá fechasse suas portas para o público após uma das fotos no local ter viralizado e atraído mais de 7 mil veículos no último dia 28 de julho. Até então, as visitas a Bogle Seeds eram permitidas com o pagamento de um ingresso de US$ 7,50, ou pouco mais de R$ 23. Porém, o engarrafamento, que atraiu até a atenção da polícia local, fez com que os donos fechassem a fazenda para quem quiser apenas ver ou fotografar os girassóis.

Tudo por uma boa foto

Segundo reportou a publicação The Globe and Mail, “ao meio-dia, as hordas [de pessoas] vinham de todas as direções. As pessoas estavam estacionando a 1 quilômetro de distância. As multidões começaram a ignorar o pessoal da fazenda, entrando nos campos sem pagar. A polícia disse aos donos da fazenda que pais estavam cruzando quatro faixas de tráfego com carrinhos de bebê, pessoas causando engavetamentos – um motorista teve sua porta arrancada por um carro que passava. Um policial disse à família que seriam multados”.

A polícia foi obrigada a impedir o acesso das pessoas, e a única saída para os responsáveis pela fazenda Bogle Seeds foi proibir visitas e parar de receber pessoas interessadas nas belas flores que cultivam apenas em busca de uma boa foto para o Instagram.