Quem lembra do programa do Sílvio Santos onde casais iam para se conhecer e, eventualmente, conseguiam um namorado ou namorada? Agora, imagine se o programa “Em Nome do Amor” passasse nos dias de hoje e usasse dispositivos de realidade virtual para criar interação entre os participantes!

É mais ou menos assim a ideia por trás de "Virtually Dating", um programa que coloca completos estranhos para interagir de maneira romântica, só que usando óculos de realidade virtual (no caso, o HTC Vive), ou seja, sem ver como a pessoa é no mundo real e tendo acesso apenas à versão virtual do outro.

Obra do Facebook

Outras situações mais incomuns são apresentadas para os participantes, que vão parar Egito, em um calabouço de fantasia medieval e até em uma cidade cheia de zumbis

A atração foi criada pela parceria entre o próprio Facebook e a Condé Nast Entertainment para o novo recurso de vídeo da rede social, o Watch. Nela, duas pessoas que nunca se viram na vida são colocadas para interagir em encontros românticos, todos simulados por realidade virtual. Eles estão em bares, baladas, restaurantes, cinemas, e devem conversar, dançar e, por que não?, se beijar, mas tendo como base apenas os avatares virtuais um do outro.

Outras situações mais incomuns são apresentadas para os participantes, que vão parar Egito, em um calabouço de fantasia medieval, em um acampamento longe da civilização e até em uma cidade cheia de zumbis. Como tirar romance disso fica por conta dos participantes, que deve decidir, após o encontro virtual, se querem conhecer a pessoa verdadeira por trás daquele avatar.

Confira o trailer do programa no vídeo a seguir:

Cupons de desconto TecMundo: