A startup Essential, do CEO Andy Rubin, vem trabalhando há tempos na surdina e recentemente mostrou uma parcela de seu poder com o anúncio de um smartphone e de um assistente pessoal. Agora, um registro de patente revela que a companhia do cofundador do Android vem desenvolvendo um óculos para realidade aumentada (ou “augmented reality” — AR), em um esquema parecido com o Snapchat Spectacles.

Divulgado pela Patently Apple, o gadget deve suportar lentes de vários tipos — incluindo as que seguem receitas médicas, são fotossensíveis ou servem para proteger da luz solar — e vir com duas câmeras, uma virada para o usuário e outra para seu campo de visão.

“Com base no ambiente que o usuário vê na direção de seu olhar, o processador pode exibir uma imagem para aumentar os arredores. Por exemplo, se ele estiver examinando um código de barras de um item, o processador pode exibir opções de compra mais baratas do mesmo item”, descreve o documento.

Ainda não há confirmação oficial, mas, dada a invasão de produtos de realidade virtual e AR, há grandes chances de a companhia estar mesmo trabalhando em algum item destinado ao setor.

Cupons de desconto TecMundo: