Alguns fenômenos químicos são tão estranhos que nem parecem ter uma explicação racional – e o vídeo acima, compartilhado no Reddit, é um bom exemplo disso. Um pedaço de metal é colocado entre uma série de tubos e não só começa a levitar, mas em seguida a aquecer, gerar uma intensa luz avermelhada e derreter.

Mas a ciência apresenta, sim, uma resposta. Trata-se de aquecimento por indução, quando um corpo é esquentado a partir da geração de uma corrente eletromagnética. Os tubos de cobre que circulam o objeto de alumínio têm uma corrente alternada e criam seu próprio campo magnético, fazendo com que o metal permaneça levitando (o que não aconteceria se ele estivesse em um recipiente de plástico, por exemplo.

A indução da corrente também faz com que os elétrons do alumínio se movimentem com extrema velocidade, produzindo nele uma grande quantidade de calor – o equivalente a 1200 °C, segundo o vídeo. Por fim, o objeto fica amolecido, podendo ser moldado, ou derrete completamente, como é o caso do clipe.

É a partir do mesmo método (mas totalmente vedadas e em escala muito maior, claro) que funcionam as fornalhas por indução, utilizadas em várias indústrias que trabalham com fundição de metais.

Fontes: Reddit, YouTube

Cupons de desconto TecMundo: