Ampliar (Fonte da imagem: Divulgação/Apache Software Foundation)

O OpenOffice chegou à sua quarta versão, que foi lançada na última terça-feira (23) pela Apache Software Foundation, responsável pela marca. O programa trouxe um visual renovado, com uma nova barra lateral a partir da qual é possível acessar uma série de conteúdos, além de compatibilidade aprimorada com os documentos do Microsoft Office.

Grande novidade da versão, a barra lateral é uma herança da Lotus Symphony, uma suíte de aplicativos da IBM que surgiu a partir de um fork do OpenOffice em 2007, mas que durou pouquíssimo tempo. Com ela, “os usuários podem editar as propriedades de seu documento mais facilmente, com os controles cuja necessidade é mais frequente acessíveis nos painéis”, afirma a vice-presidente do OpenOffice Andrea Pescetti.

Além disso, os programas do pacote OpenOffice passam a aceitar a instalação de aplicativos. Um framework permite a desenvolvedores a criação de apps para serem utilizadas ali, ampliando ainda mais as possibilidades desta suíte. Vale lembrar que ferramenta semelhante está disponível apenas de modo experimental no LibreOffice 4.1.

Cupons de desconto TecMundo: