7 dicas para a bateria do celular durar mais

4 min de leitura
Imagem de: 7 dicas para a bateria do celular durar mais
Imagem: Shutterstock
Avatar do autor

A duração da bateria do celular é um problema desde que os aparelhos começaram a fazer parte de nosso cotidiano. Hoje, principalmente para quem trabalha com um smartphone, é vital que a energia dure tempo o suficiente para não deixar na mão no momento em que você mais precisa.

Para evitar passar por esse perrengue, o TecMundo listou sete dicas para poupar a energia do aparelho ao longo do dia. Confira:

1. Evite recargas desnecessárias

Desde que os celulares entraram em nossa vida, muitos criaram o hábito de colocar o aparelho para carregar assim que entram no carro, chegam em casa ou deixam a madrugada toda conectado na tomada na hora de dormir. O problema é que muitas vezes a bateria não está nem na metade da capacidade total, o que torna desnecessária a recarga.

Evite deixar o aparelho carregando a todo momentoEvite deixar o aparelho carregando a todo momento.Fonte:  Shutterstock 

Para completar, isso compromete a vida útil da bateria, fazendo que ela perca a sua capacidade e necessite de recargas com cada vez mais frequência. Por isso, desde o momento que o celular sai da caixa, lembre-se de apenas fazer a recarga quando a energia estiver entre 5% e 10%, que é o número recomendado pelos fabricantes.

2. Fique atento às atividades em segundo plano

Com a evolução dos aplicativos mobile, muitos acabaram acumulando uma série de funções, o que cria atividades em segundo plano. Por exemplo, são diversos os softwares que utilizam a localização a todo momento ou executam atualizações assim que um update está disponível.

Remova também as atualizações em segundo plano dos apps instaladosRemova as atualizações em segundo plano dos apps.
Fonte:  Reprodução / TecMundo 

Isso, obviamente, consome uma carga extra e desnecessária, afinal não são todos os apps que precisam da localização em tempo real ou de uma atualização imediata. Por isso, é recomendado que você fique atento às atividades em segundo plano autorizadas em seu sistema, desativando todas aquelas que não são necessárias.

3. Use e abuse do modo escuro

O modo escuro é uma alternativa desenvolvida para diversos softwares que visa reduzir o brilho da tela tanto do PC quanto do smartphone. Aplicando um fundo preto, ele suaviza a intensidade de luz gerada, o que auxilia no uso contínuo, prejudicando menos a visão e poupando a bateria.

O Modo Escuro também ajuda a poupar energia do smartphoneModo escuro ajuda a poupar a energia do smartphone.Fonte:  Shutterstock 

Praticamente todos os principais aplicativos têm um modo noturno ou escuro nas configurações. Assim como os próprios sistemas, como o iOS, que aplica a opção automaticamente em todos os softwares caso esteja acionada na configuração do iPhone.

4. Veja se todos os aplicativos são mesmo necessários

Ter um smartphone com um bom espaço de armazenamento é sinônimo de ter uma boa leva de aplicativos instalados na memória interna. Mas a pergunta que fica é: você utiliza todos eles?

Revise sempre os apps instalados no seu aparelhoRevise sempre os apps instalados no aparelho.Fonte:  Shutterstock 

Além de ocupar um espaço desnecessário, mesmo que a capacidade seja enorme, o aplicativo pode ter funções em segundo plano, citadas anteriormente, que acabam gastando a energia do celular sem a mínima necessidade. Sendo assim, busque revisar todos os apps instalados e apague aqueles que não são necessários no dia a dia.

5. Controle o brilho da tela

Um dos principais responsáveis pelo alto consumo de bateria é o brilho da tela do celular. O pior é que em boa parte do tempo usamos uma intensidade maior do que o necessário, como em ambientes escuros ou com pouca luminosidade.

Controle o brilho da tela do seu celular para não gastar energia a toaControle o brilho da tela do celular para não gastar energia à toa.Fonte:  Shutterstock 

Sendo assim, procure manter o brilho da tela o mais baixo possível, de forma que tudo fique visível, mas não haja uma luminosidade em excesso acabando com a energia do smartphone.

6. Reduza notificações e vibrações

Notificações também são grandes responsáveis por sugar boa parte da bateria ao longo do dia. A começar pelo excesso de avisos, como mensagens recebidas no WhatsApp, curtidas em uma foto no Instagram, um novo e-mail recebido, uma promoção no iFood e por aí vai. O ideal é deixar apenas os alertas para atividades que são realmente importantes, como e-mails de clientes, despertadores programados ou lembretes cadastrados no aparelho.

Revise o que será alertado no seu celular para poupar cargaRevise o que será alertado no celular, para poupar carga.Fonte:  Shutterstock 

Quando o aparelho fica no modo silencioso, essas notificações geram vibrações que, embora pequenas, quando em grande quantidade gastam uma boa parcela da bateria. Sendo assim, além de filtrar o que será alertado, procure remover as vibrações de quando esses avisos chegarem.

7. Recorra ao modo de economia de energia

A última dica é recorrer ao famoso modo de economia de energia. Com ele, o sistema realiza uma série de funções visando poupar a bateria do aparelho, como desligar a tela depois de um curto tempo sem atividades e reduzir o brilho.

Ative o Modo de Economia de Energia como um último recurso para poupar energia do aparelhoAtive o modo de economia de energia como um último recurso para poupar a bateria do aparelho.Fonte:  Shutterstock 

Em alguns aparelhos, no momento em que essa função é ativada, algumas atividades em segundo plano são suspensas. Entretanto, elas variam de sistema para sistema.

Se mesmo depois de aplicar nossas dicas a bateria de seu celular durar muito menos do que deveria, recomendamos que procure uma loja autorizada para realizar a troca. Mas sem se esquecer de cuidar da nova com tudo o que ensinamos.

Ficou com alguma dúvida? Conte para a gente nos comentários.