Novo Snapdragon 8cx para PCs promete rivalizar com o Apple M1

3 min de leitura
Imagem de: Novo Snapdragon 8cx para PCs promete rivalizar com o Apple M1
Imagem: Qualcomm/Divulgação
Avatar do autor

Nesta quarta-feira (1º), a Qualcomm revelou, durante o 2° dia do evento Snapdragon Summit 2021, dois novos SoCs para computadores. O novo Snapdragon 8cx (3ª geração) foi projetado para computadores que demandam performance e design fino; já o Snapdragon 7c+ (3ª geração) é focado em PCs Windows e Chromebooks menos potentes.

O Snapdragon 8cx, destaca a Qualcomm, é o 1° processador para computadores de 5 nanômetros (nm). Em comparação com a geração anterior, o novo chipset, cita a empresa, tem CPU 85% mais veloz e com ganho de 60% na GPU. Este, por exemplo, deve impulsionar o desempenho das máquinas com navegação na web, edição de foto e vídeo em videoconferências, entre outras ações.

Ele tem núcleos Qualcomm Kryo na CPU de arquitetura 64-bit, enquanto a GPU Adreno apresenta suporte ao DirectX 12. A ficha técnica do chipset ainda tem suporte para memórias LPDDR4x (4.266 Mhz) e armazenamento em SSD (NVMe over PCIe) ou UFS (3.1). Ele também suporta telas integradas com resolução 4K ou até 2 monitores externos 4K.

Qualcomm Snapdragon 8cxNovo Qualcomm Snapdragon 8cx (3ª geração) chegará no 1° semestre de 2022 aos computadores.

A Qualcomm também destaca os recursos de conectividade do novo Snapdragon 8cx. O chipset tem o modem X65, capaz de atingir velocidades de conexão 5G de 10 Gbps (download), além de apresentar compatibilidade com o X55 5G (7,5 Gbps) e o X62 (4,4 Gbps). A Qualcomm também destaca os recursos de conectividade do novo Snapdragon 8cx.

Bateria para dias

"O Snapdragon 8cx Gen 3 foi construído com a tecnologia que transformou a indústria do PC, proporcionando experiências premium com desempenho inovador por watt", citou Miguel Nunes, vice-presidente de gerenciamento de produtos da Qualcomm. De acordo com a companhia, o 8cx "tem suporte para múltiplos dias de vida útil de bateria". Segundo a empresa, a nova geração do chipset é capaz de oferecer mais de 25 horas de funcionamento com uma carga.

A Qualcomm ainda cita outros benefícios que o chipset pode proporcionar aos computadores:

  • o 8cx suporta jogos em 120 FPS com resolução Full HD;

  • melhorias automatizadas de foco automático, balanço de branco e exposição em videoconferências (para apps como Zoom e Microsoft Teams);

  • melhorias de redução e cancelamento de ruído baseadas em IA;

  • suporte para webcam HDR de até 24 MP;

  • pode filmar com resolução 4K HDR (30 FPS) ou em câmera lenta em HD (480 FPS).

Snapdragon 8cxCom o novo Snapdragon 8cx, Qualcomm pode rivalizar com os novos chips M1 da Apple.

As capacidades de Inteligência Artificial (IA) do 8cx, garante a Qualcomm, entregam mais de 29 trilhões de operações por segundo (TOPS). A empresa também acrescenta que o chip "foi arquitetado para fornecer segurança do chip à nuvem". Além de armazenar credenciais, dados pessoais e chaves de criptografia no Microsoft Pluton Security, o 8cx é compatível com o sistema do Windows Hello, que tem um processador (Computer Vision) dedicado para autenticação.

A aposta, inclusive, lembra o que a Apple tem feito com os seus chips proprietários (Arm) M1. A linha, que agora conta com os novos integrantes M1 Pro e M1 Max (também de 5nm), promete aos laptops da marca desempenho produtivo e longa autonomia de bateria.

Snapdragon 7c3 (3ª geração)

Já o Snapdragon 7c3 (3ª geração) promete um bom upgrade em máquinas mais básicas. Em comparação com a geração anterior, o chipset oferece desempenho de CPU e GPU até 60% e 70% mais rápido, respectivamente. Ele tem aceleração de IA com até 6,5 TOPS e conectividade 5G graças ao modem Snapdragon X53 (até 3,7 Gbps de download), que suporta os padrões sub-6 e mmWave. O chip também tem Wi-Fi 6 e 6E (até 2,9 Gbps).

"Com o Snapdragon 7c+ Gen 3, estamos elevando o nível de entrada ao estender o 5G entre os ecossistemas de computação", apontou Nunes. Segundo ele, o chipset poderá beneficiar consumidores regulares, em negócios e até na educação.

Snapdragon 7c+Com o Snapdragon 7c+ (3ª geração), a Qualcomm pretende levar mais desempenho aos computadores Windows e Chromebooks mais básicos.

Desenvolvido no processo de 6nm, o novo 7c3 suporta telas integradas com resolução máxima Full HD+, câmera única de 64 MP (ou até tripla de 22 MP cada), grava vídeos em 4K HDR e memórias LPDDR4x (4.266 Mhz) ou LPDDR5 (6.400 Mhz); ele também é compatível com armazenamento SSD (PCIe NVMe/SSD, eMMC 5.1, SD 3.0) ou UFS (2.1).

Os novos chipsets, ambos já compatíveis com o Windows 11, estarão embarcados nos computadores comerciais no 1° semestre de 2022.