Game Boy alimentado por energia solar dispensa pilhas [Vídeo]

1 min de leitura
Imagem de: Game Boy alimentado por energia solar dispensa pilhas [Vídeo]
Imagem: YouTube
Avatar do autor

Pesquisadores da Universidade Northwestern e da Universidade de Tecnologia Delft desenvolveram um console de video game de mão, baseado no Game Boy, lançado originalmente em 1989. A diferença é que o Game Boy legítimo era alimentado por quatro pilhas AA, enquanto que o Engage, como foi batizado o novo console, é alimentado por meio de energia solar.

Sustentável e ainda “evita o vício em jogos eletrônicos”

Em teoria, o Engage pode rodar qualquer jogo criado para o Game Boy original, e ele até aceita os mesmos cartuchos do console que o inspirou. No entanto, ele possui limitações bem visíveis.

Para começar, a tela de cristal líquido é muito pequena, e seus painéis solares são capazes de mantê-lo em funcionamento somente por alguns segundos. Isso poderia ajudar seus usuários a não se viciar em jogos eletrônicos, mas não parece uma característica a ser festejada. Como a energia é um fator primordial no dispositivo, ele também não é capaz de emitir sons.

Com alguns jogos mais complexos, o console fica ligado por cerca de 10 segundos. Esse tempo pode aumentar quando o usuário joga algo mais simples, como o Tetris. Apesar dessa baixa, o Engage salva todo o progresso do jogo quando é desligado. Sendo assim, você consegue continuar de onde parou ao ligá-lo novamente.

É apenas um protótipo

Obviamente, com essas limitações, fica claro que o Engage foi criado apenas como um projeto de pesquisa, pelo qual seus desenvolvedores pretendem estudar novas abordagens de consoles, mais sustentáveis e ecologicamente corretos.

A ideia até parece fora de contexto, mas um dos cocriadores do projeto acredita que “abordagens radicais e malucas” podem gerar bons resultados, mesmo que não seja de imediato.

O Engage não será comercializado. Ele será apresentado oficialmente no dia 12 de setembro, durante a conferência virtual UbiComp. Depois disso, todos os detalhes do projeto serão publicados como código aberto, no GitHub.

Fontes

Game Boy alimentado por energia solar dispensa pilhas [Vídeo]