Especial Dia da Mulher: conheça 10 importantes escritoras famosas

6 min de leitura
Imagem de: Especial Dia da Mulher: conheça 10 importantes escritoras famosas
Fonte: Pixabay
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Lugar de mulher é onde ela quiser. No futebol, no escritório, com os amigos ou conhecendo o mundo, não há limites que impeçam uma mulher de fazer o que ela quer e quando ela quer. E, embora a literatura tenha sido um ambiente dominado por homens ao longo da história, hoje as mulheres também já ocuparam seu lugar no mundo da escrita. Se você quer atualizar a sua estante com mais livros escritos por elas, esta lista pode ajudá-lo a começar.

1. Agatha Christie

Não foi à toa que Agatha Christie ganhou o título de "rainha do mistério". Suas histórias, repletas de mistérios, conquistaram fãs de romance policial ao redor do mundo em diferentes gerações. Ao longo da sua carreira, escreveu mais de 80 livros, dos quais diversos foram adaptados para o cinema. Em 1971, tornou-se Dama da Ordem do Império Britânico, tendo sido condecorada pela rainha Elizabeth II, uma grande fã.

Seu legado segue vivo, com suas obras servindo de influência para vários nomes da literatura, do teatro e do cinema; um exemplo é o diretor Rian Johnson, que lançou em 2019 o filme Entre Facas e Segredos, reunindo elementos que Agatha Christie costumava utilizar em seus livros.

O que ler

Imagem: Agatha Christie, E não sobrou nenhum
Imagem: Tecmundo Recomenda

Agatha Christie, E não sobrou nenhum

Uma história que prende e demanda muita atenção do leitor, com plot twist na revelação do assassino que te faz sentir que foi tapeado.

E Não Sobrou Nenhum, a história mais importante da autora, narra os misteriosos eventos na Ilha do Soldado, onde 10 pessoas aparentemente sem qualquer vínculo acreditavam que iriam desfrutar de um momento de descanso com muito luxo. Agora, sem poderem voltar para o continente devido a uma forte tempestade, podem estar correndo um grande risco.

2. Jane Austen

Jane Austen foi uma das escritoras mais importantes do seu tempo, e seu legado permanece vivo ainda hoje, mais de 2 séculos após sua morte. Em uma época em que a literatura ainda era um ambiente essencialmente masculino, suas obras tiveram um importante impacto na sociedade inglesa.

O que ler

Imagem: Jane Austen, Orgulho e preconceito
Imagem: Tecmundo Recomenda

Jane Austen, Orgulho e preconceito

Com um enredo memorável e uma série de personagens esquecível, você será submerso em um mundo aristocrático cheio de emoções.

Em Orgulho e Preconceito, Austen apresenta muitos aspectos sobre a vida na virada do século 18 para o 19. Sua protagonista, Elizabeth Bennet, lida com temas que vão desde a moral na sociedade aristocrática até a importância do casamento. Com um texto que mistura bem o humor e o drama, o livro já recebeu diversas adaptações para cinema, televisão e teatro, além de ter influenciado vários autores nos últimos 200 anos.

3. Clarice Lispector

Clarice Lispector foi uma das mais importantes escritoras da literatura brasileira, e com textos fundamentais para a escrita feminina. Ela nasceu na Ucrânia, mas veio com sua família para o Brasil com 1 ano de idade. Trabalhou como escritora, jornalista, contista e ensaísta, tendo se tornado um dos nomes mais importantes do modernismo no Brasil. Também atuou como tradutora, tendo sido responsável pela tradução de Cai o Pano: O Último Caso de Poirot, de Agatha Christie.

O que ler

Imagem: Clarice Lispector, A Hora da Estrela
Imagem: Tecmundo Recomenda

Clarice Lispector, A Hora da Estrela

Do conto ao romance, da crônica à dramaturgia, da entrevista à correspondência, descubra uma das escritoras brasileiras mais importantes do século passado. Descobre a história delicada de Macabéa.

Em A Hora da Estrela, a autora narra a história de Macabea, uma alagoana que se muda para o Rio de Janeiro e precisa lidar com as diferenças culturais entre o Nordeste e o Sudeste do Brasil.

4. J.K. Rowling

J.K. Rowling iniciou sua carreira na área com uma das histórias mais importantes da literatura. Superou inúmeras dificuldades na vida por meio de seus livros, tendo sido a primeira pessoa a se tornar bilionária como escritora. Além da saga Harry Potter, já escreveu cinco livros destinados ao público adulto.

O que ler

Imagem: J.K. Rowling, Coleção Harry Potter
Imagem: Tecmundo Recomenda

J.K. Rowling, Coleção Harry Potter

A mulher que soube impressionar, ensinar respeito e prestígio para toda uma geração. Encontre aqui a coleção completa do seu maior sucesso, Harry Potter.

Responsável por formar centenas de milhares de novos leitores, a saga Harry Potter é uma das mais importantes séries literárias, principalmente pelo seu impacto cultural. Traduzidos para mais de 80 países, os livros ajudaram a impulsionar o interesse pela fantasia infantojuvenil.

5. Simone de Beauvoir

A francesa Simone de Beauvoir foi escritora, filósofa, ativista política e teórica social. Um dos nomes mais importantes para a segunda onda do feminismo — entre as décadas de 1960 e 1980 —, escreveu romances, ensaios, biografias, uma autobiografia e monografias sobre filosofia e política. Seus estudos feministas, além de terem tido enorme impacto na época, continuam relevantes hoje.

O que ler

Imagem: Simone de Beauvoir Box - O segundo sexo: Edição Comemorativa 1949 - 2019
Imagem: Tecmundo Recomenda

Simone de Beauvoir Box - O segundo sexo: Edição Comemorativa 1949 - 2019

A maior feminista francesa que soube revolucionar o seu tempo. Nesta obra, ela soube chamar a atenção do mundo pela sua audácia feminista encorajando todos a ser livres!

Além de ser considerado um dos livros fundamentais do feminismo, O Segundo Sexo é o maior legado deixado por Simone de Beauvoir. Ao analisar o papel da mulher na sociedade do século 20, a escritora colaborou para impulsionar as ideias feministas ao redor do mundo.

6. Virginia Woolf

Virginia Woolf foi uma das escritoras mais importantes do modernismo inglês, tendo produzido algumas das obras mais significativas para a literatura inglesa, durante o período entre guerras. Além de ter sido uma das maiores romancistas líricas da Inglaterra, escreveu contos, duas biografias, diversos ensaios, uma peça de teatro e ainda traduziu, do russo, um livro de Fiódor Dostoiévski.

O que ler

Imagem: Virginia Woolf, Mrs. Dalloway
Imagem: Tecmundo Recomenda

Virginia Woolf, Mrs. Dalloway

A autora britânica se destacou na literatura do século XX e permanece aclamada até hoje pela suas falas contra as restrições feitas às mulheres. Essa foi a sua obra mais famosa, acontece em Londres no período entre guerras.

Mrs. Dalloway, o livro mais importante de Virginia Woolf, acompanha um dia na vida de uma jovem londrina. Além de ser uma das obras fundamentais de Woolf, é um retrato interessante sobre a vida em Londres na década de 1920. Mrs. Dalloway mostra o que há de melhor no realismo inglês, por meio de um intenso texto.

7. Rupi Kaur

Rupi Kaur é uma escritora canadense nascida na Índia que se tornou um dos principais nomes da poesia contemporânea. Seu primeiro livro, Outros Jeitos de Usar a Boca, foi publicado de maneira independente e vendeu mais de 1 milhão de cópias — permanecendo no topo da lista dos mais vendidos do The New York Times por 40 semanas. Kaur começou sua carreira nas redes sociais, onde ainda divulga seu trabalho, principalmente pelo Instagram (@rupikaur_).

O que ler

Imagem: Rupi Kaur, Outros jeitos de usar a boca
Imagem: Tecmundo Recomenda

Rupi Kaur, Outros jeitos de usar a boca

Uma conhecida poeta feminista contemporânea. Esse livro de poemas sobre a sobrevivência, foi escrito para tirar delicadeza em cada momento de amargo.

Tratando de temas intensos e difíceis na vida das mulheres, inclusive os mais íntimos e delicados, Outros Jeitos de Usar a Boca consegue mostrar como enxergar beleza mesmo nos momentos mais difíceis. Kaur tem um texto de leitura agradável e é capaz de capturar até quem não tem o costume de ler poesia.

8. Nora Roberts

Em muitos casos, quantidade não significa qualidade, mas no caso de Nora Roberts as duas palavras podem ser vistas como sinônimo. Um dos maiores fenômenos da literatura dos Estados Unidos, a escritora soma mais de 200 livros publicados em 4 décadas de carreira. Assim, ela se tornou uma das escritoras famosas mais importantes da sua geração.

O que ler

Imagem: Nora Roberts, O lado oculto
Imagem: Tecmundo Recomenda

Nora Roberts, O lado oculto

Best-seller e especialista em romance, a Nora Roberts neste livro vai além de uma história de amor. A Zane terá que descobrir "o lado oculto" de Darby. Será que ela vai se deixar dominar?

O Lado Oculto, seu mais recente livro, é um romance sobre mentiras e traumas e mostra como lidar com os golpes que a vida pode dar às vezes. Com agradáveis doses de suspense e paixão, o livro prova por que Nora Roberts se tornou um dos maiores nomes da literatura contemporânea.

9. Carolina Maria de Jesus

A história de Carolina Maria de Jesus começou como a de tantos outros brasileiros: nascida na pobreza, desde pequena precisou se acostumar com as dificuldades da vida. Frequentou a escola por 2 anos apenas, saiu da sua cidade natal em Minas Gerais e foi tentar a sorte em São Paulo, onde trabalhou como catadora de papel até ser descoberta pelo jornalista Audálio Dantas, que leu seu diário e ajudou a publicá-lo. O sucesso de vendas foi tamanho que o livro ganhou uma tradução para o inglês nos Estados Unidos.

O que ler

Imagem: Carolina Maria de Jesus, Quarto de despejo
Imagem: Tecmundo Recomenda

Carolina Maria de Jesus, Quarto de despejo

Uma das primeiras escritoras negras do Brasil e é das mais importantes! Neste livro ela nos faz viajar para a realidade nua e crua do cotidiano da vida na favela de uma catadora de papel.

Apesar do pouco estudo, Carolina foi capaz de escrever um dos relatos mais intensos sobre a vida na periferia e se tornou um importante nome da escrita feminina no Brasil. Com um estilo próximo da poesia, Quarto de Despejo é um importante livro para quem quer se aprofundar na realidade brasileira.

10. Marjane Satrapi

Filha de uma família moderna, Marjane Satrapi testemunhou a Revolução Iraniana de 1979; com apenas 10 anos, se viu obrigada a usar o véu islâmico e a rotina mudou radicalmente. Sua história de vida é inspiradora, e seus trabalhos já atingiram milhões de pessoas em todo o mundo. Além de trabalhar como romancista gráfica, Marjane é ilustradora, cineasta e escritora.

O que ler

Imagem: Marjane Satrapi, Persépolis - Completo
Imagem: Tecmundo Recomenda

Marjane Satrapi, Persépolis - Completo

Nessa autobiografia em quadrinhos, a Marjane Satrapi soube emocionar a França e o mundo sob os olhos da menina que foi em um capítulo dos muitos séculos de opressão do povo persa nas trevas do regime xiita.

A emocionante história de Marjane Satrapi comoveu o mundo quando foi contada por meio da sua autobiografia, Persépolis. Esse quadrinho é um emocionante relato sobre como a vida de uma pessoa pode mudar do dia para a noite, mas que mesmo assim é possível encontrar paz e alegria. Marjane narra sua história, misturando humor e drama com habilidade, ao longo de uma narrativa comovente e cheia de lições para os dias atuais.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Especial Dia da Mulher: conheça 10 importantes escritoras famosas