Sucessor do Pixelbook vaza em testes de benchmark

1 min de leitura
Imagem de: Sucessor do Pixelbook vaza em testes de benchmark
Avatar do autor

No dia 15 de outubro a Google deve lançar sua próxima geração de smartphones. Entretanto, é possível que a companhia apresente também o notebook que substituirá o atual Pixelbook. O novo aparelho começou a passar por testes na plataforma Geekbench utilizando um processador Intel Core i3. O teste indica que o dispositivo terá 8 GB de memória RAM, marcando 4.037 pontos em single-core e 7.028 em multi-core. Com isso em mente, é possível notar que a empresa deseja investir mais em performance.

Expectativas

Além dos testes com o processador i3, há rumores que indicam a preocupação da Google em desenvolver um aparelho que tenha ainda mais poder de processamento. Algumas informações extraoficiais indicam que a empresa já criou modelos de notebook com Core i5 e i7 para oferecer um arsenal de possibilidades aos futuros compradores.

Mesmo que não haja confirmação oficial sobre o novo notebook, é sabido que os modelos terão alguns recursos de ponta em suas configurações. Entre eles se destacam resolução 4K para vídeos, teclado retroiluminado e sensor de impressão digital. Tudo isso torna evidente a intenção da companhia de competir de igual para igual com outras empresas da área. Dessa forma, as expectativas para 15 de outubro são bastante grandes.

pixelbookComo seria uma nova geração do Pixelbook?

Outras novidades interessantes

Em julho, novos modelos de dispositivos móveis da Google foram aprovados pela agência de telecomunicações dos Estados Unidos. De lá para cá, não houve novidades significativas a respeito desses aparelhos; porém, ao julgar pelo que foi descoberto até o momento, a nova máquina será capaz de apresentar um desempenho diferenciado, e tudo isso poderá fazer com que concorra com outras marcas líderes no mercado, como Apple e Xiaomi. Faltam poucas semanas para descobrirmos se a companhia cumprirá esse objetivo.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Sucessor do Pixelbook vaza em testes de benchmark