Imagem de: Samsung cria novo processador neural 8 vezes mais veloz e 4 vezes mais leve
Fonte: Samsung/Divulgação

Samsung cria novo processador neural 8 vezes mais veloz e 4 vezes mais leve

1 min de leitura
Avatar do autor

A Samsung desenvolveu uma nova unidade de processamento neural (NPU) com otimização aprimorada e maiores velocidades de computação. O anúncio foi feito pelo Instituto Avançado de Tecnologia da Samsung (Sait), que conseguiu chegar ao resultado por meio de um avanço em um algoritmo de inteligência artificial on-device.

O Sait comentou que essa nova tecnologia deverá oferecer um desempenho oito vezes mais rápido e quatro vezes mais leve em comparação com os algoritmos usados até então. Espera-se que com isso seja possível realizar cálculos de alta velocidade com menor consumo de energia.

De modo geral, uma IA depende de algoritmos de aprendizagem profunda para ter um melhor desempenho. Os NPUs desenvolvidos pela Samsung são capazes de processar diversos desses algoritmos de forma simultânea, sem precisar enviar dados para a nuvem. Isso deve garantir que o processo todo fique mais estável e barato.

Mais com menos

O que o Sait conseguiu realizar, na prática, foi reduzir os dados de aprendizado de 32 bits existentes para servidores em grupos de menos de 4 bits, mantendo um reconhecimento preciso de dados. A equipe responsável chamou o processo de Quantization Interval Learning (QIL).

O QIL deverá otimizar os dados ao minimizar a quantidade de cálculos necessários ao longo de todo o processo. A principal vantagem disso é a redução na quantidade de transistores, o que gera um custo menor, consequentemente.

O novo algoritmo provavelmente será incorporado aos próximos chipsets da empresa e deverá garantir maior eficiência em tarefas que vão desde reconhecimento de imagens até impressão digital. A Samsung não divulgou quando passará a utilizar a nova tecnologia, mas é possível que ela chegue para os seus próximos lançamentos.

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Samsung cria novo processador neural 8 vezes mais veloz e 4 vezes mais leve