SATA vs. NVMe: vale a pena fazer upgrade do seu SSD?

2 min de leitura
Imagem de: SATA vs. NVMe: vale a pena fazer upgrade do seu SSD?
Avatar do autor

Por muito tempo, os dispositivos de armazenamento foram os principais causadores de queda de performance em PCs, notebooks e equipamentos do tipo. Na verdade, até hoje há usuários que investem em CPUs e memórias RAM mais rápidas, mas continuam perdendo um bom tempo aguardando seus PCs ligarem e ficar prontos para o uso por conta de um HD mecânico. Mas não é só isso: a fragmentação de arquivos causada pelo sistema (principalmente o Windows) em dispositivos de armazenamento lento gera queda de performance geral e gradativa na máquina.

Felizmente, hoje em dia os SSDs já substituem os HDs em grande parte dos PCs. Usar um SSD no lugar de um HD, ao menos como o drive onde o sistema operacional ficará instalado, é um dos upgrades que mais beneficiam o desempenho de um computador. No entanto, já existem drives mais rápidos que os SSDs SATA. Se você já usa um SSD SATA há muito tempo, provavelmente está se perguntando se, ao necessitar de um drive maior, valeria a pena investir em um SSD NVMe, que usa um slot M.2 PCIe.

1, 2, 3, testando…

Neste texto, mostraremos os resultados de um teste realizado pelo Extremetech usando um SSD SATA Samsung EVO e um SSD NVMe Seagate Firecuda conectado a um slot M.2 com barramento x4 PCIe 2.0 (essa versão do PCIe foi usada de propósito, considerando o upgrade em uma máquina mais antiga). Vejamos como os drives se saíram em testes de benchmark.

CrystalDiskMark 6.0.2

No CrystalDiskMark, o desempenho do drive NVMe tanto na leitura quanto na escrita sequenciais é bem superior ao do SSD SATA. Esse teste extrai o máximo de performance que o drive pode oferecer nas condições ideais. Veja os resultados.

PCMark 8 (benchmark de disco)

Agora, passaremos para os benchmarks que simulam o uso de programas reais. O primeiro é o teste de disco. Aqui, a diferença entre alguns softwares é bem pequena, enquanto em outros é praticamente nula. Já em banda de largura, mais uma vez o NVMe derrota o SSD SATA com grande folga.

PCMark 8 Work (teste de execução de tarefas)

No teste de execução de tarefas não há diferença de desempenho perceptível para o usuário em nenhum dos segmentos.

Adicionalmente, o Extremetech realizou dois testes práticos: reinicialização do PC e boot frio. O propósito era tentar perceber qual seria o ganho de performance durante uma atividade comum no mundo real.

E o Oscar vai para…

Embora o SSD NVMe seja muito superior ao SATA em leitura e escrita sequenciais, o Extremetech constatou que o salto de desempenho em aplicações reais não passa de 5%. Isso, é claro, considerando que o drive SATA usado na comparação era um dos melhores do mercado em sua categoria.

No entanto, caso você use um SSD SATA ainda mais antigo, com pouca capacidade e baixa performance, pode valer a pena fazer o upgrade para um NVMe se a diferença de preço para um drive SATA de boa qualidade não for abusiva.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
SATA vs. NVMe: vale a pena fazer upgrade do seu SSD?