Quem esperava um novo modelo de smartwatch da Huawei na IFA 2018 provavelmente ficou desapontado. A companhia resolveu dar uma pausa no segmento de relógios inteligentes. O foco agora é em seu próximo evento, que será em outubro, no qual a OEM chinesa deve apresentar seus novos modelos de smartphones: o Mate 20 e o Mate 20 Pro, com o processador Kirin 980.

Entretanto, a empresa ainda continua trabalhando em modelos de smartwatches para lançamentos futuros, como garantiu Richard Yu, CEO da Huawei. Segundo ele, o motivo da espera é pelo fato de estarem preparando uma linha de relógios com melhorias realmente significativas.

Há uma dificuldade em se planejar dispositivos desse tipo, porque eles precisam aliar bons recursos a uma boa duração de bateria; por outro lado, possuem tamanho muito reduzido. O ponto-chave para a Huawei é dar um passo adiante e oferecer um produto verdadeiramente avançado.

O objetivo da Huawei para seu próximo relógio inteligente é um projeto ambicioso, pois quer que ele tenha uma bateria que dure uma semana — o que ainda não existe no mercado. Com exceção de funções de economia de energia, o máximo de tempo que um desses gadgets suporta são 2 dias. E a chinesa não quer aumentar a bateria a ponto de comprometer o design nem economizar em recursos. Sendo assim, é bem possível que ela estreie sua engine HiAI em seus próximos lançamentos.

Isso não nos dá muitas pistas sobre os novos relógios da Huawei, que provavelmente estão nos estágios iniciais de pesquisa e design. Um Watch 3 não deve vir mesmo neste ano, a não ser que os planos mudem e a empresa acabe alterando suas metas.