A Samsung pode estar prestes a rebatizar a sua linha de smartwatches. De acordo com informações vazadas pelo blog SamMobile nesta semana, a empresa coreana estaria a um passo de adotar a marca Galaxy Watch, abandonando a nomenclatura Gear S, usada desde 2014.

Os rumores ganharam força desde que a Samsung registrou a nova marca no Departamento de Propriedade Intelectual sul-coreano, partindo em seguida para fazer o mesmo procedimento entre autoridades dos Estados Unidos – país onde também registrou o termo “Galaxy Fit”.

A possibilidade já tinha sido levantada no Twitter alguns dias antes de a equipe do SamMobile descobrir o registro da marca Galaxy Watch. A mesma fonte ainda afirmou que o próximo relógio da Samsung deve adotar o sistema operacional Android Wear, aumentando as expectativas de que o uso da marca Galaxy esteja de fato associado ao retorno a um OS Android.

Os rumores não param por aí. De acordo com Evan Blass, blogueiro especializado em mobile, a Google teria inclusive feito testes do Wear OS entre funcionários da Samsung, reforçando a tese de que as novidades do próximo smartwatch da Samsung não se limitariam ao uso da marca Galaxy.

Ainda que realmente apontem para uma possível substituição do Tizen OS pelo Android Wear, porém, as evidências não convenceram o mercado, que segue enxergando essa possibilidade com ceticismo.

Se isso se confirmar, o uso da nomenclatura Galaxy pode ser positivo para a Samsung. A marca é mais familiar entre os usuários e pode alavancar as vendas de smartwatches. A confirmação deve vir no fim de agosto, quando a Samsung costuma apresentar os lançamentos de relógios da linha Gear.