Samsung estaria preparando seu novo processador baseado no Cortex-A76 da ARM, denominado Exynos 9820, um chipset produzido com litografia 7 nm que deve superar os atuais top de linha Apple A11 eQualcomm Snapdragon 845. Agora, um rumor ventilado pelo Ice Universe, fonte chinesa que costuma acertar em suas previsões, afirma que a unidade gráfica do componente será a Mali-G76 MP18, também construída em 7 nm com arquitetura ARM.

O Mali-G76 deve ter os mesmo 18 núcleos do G72 no Exynos 9810 — e daí o complemento MP18 — e a grande diferença está na construção, com uma quantidade muito maior de transistores. Isso deve permitir um ganho de 25% no desempenho gráfico e menos consumo e desgaste da vida útil da bateria — o que pode ser especialmente mais interessante para reprodução de vídeos e execução de games.

A distribuição pode ser semelhante com o que aconteceu com o S9, que possui o Exynos 9810 na comercialização regional e o Snapdragon 845 para as vendas internacionais — com a GPU Mali-G72 e o Adreno 630, respectivamente. O S10 deve ter então o Exynos 9820 para o mercado interno enquanto o Snapdragon 855 deve alimentar as prateleiras mundiais, com o Mali-G76 e um Adreno ainda não definido.

É claro que, como todo boato, pode ser que nada disso esteja certo. Portanto, essas informações só serão oficiais com a confirmação da Sammy.