A primeira semana desde o lançamento dos iPhones 8 e 8 Plus finalmente passou lá fora. Com isso não faltam companhias analisando os dados do mercado para responder uma pergunta que está na cabeça de muitos fãs de tecnologia: como os aparelhos se saíram nas vendas? Infelizmente, a resposta não é muito boa.

De acordo com informações trazidas pela companhia Localytics, os novos smartphones tiveram uma adoção mínima, com o iPhone 8 comum tomando 0,3% do mercado. Em comparação, o iPhone 7 – que também não se saiu tão bem na sua primeira semana – teve uma adoção de 1%, enquanto o iPhone 6 conseguiu expressivos 2%.

A boa notícia é que ao menos o modelo de tela grande da companhia teve um desempenho levemente superior, mas apenas em comparação aos outros smartphones da mesma linha. Enquanto o iPhone 8 Plus teve 0,4% de adoção, os iPhones 7 Plus e 6s Plus tiveram apenas 0,2 e 0,3%, respectivamente. Basta conferir o gráfico abaixo para entender melhor.

Gráfico de vendas do iPhone

Embora esses não representem os números definitivos das vendas da companhia (afinal, a Apple não traz dados sobre suas vendas há alguns anos), é importante notar que esses não foram os únicos fatores a reforçarem o pouco sucesso dos novos modelos da Apple. Outro dos grandes exemplos disso foram as famosas filas pré-lançamento dos iPhones, que foram relatadas no mundo todo como sendo muito menores do que normalmente.

Para muitos, o motivo de tudo isso não é nenhum mistério. Afinal, como a chegada do iPhone X às lojas está a semanas de distância, não são poucos a especularem que o público esteja apenas esperando por ele. Com isso, resta apenas esperar para ver se o tão promissor aparelho irá mudar o quadro de quedas constantes que os smartphones da Maçã vêm apresentando nos últimos anos.

Cupons de desconto TecMundo: