Cada vez mais, o mercado da tecnologia está focando esforços em equipamentos direcionados a atividades físicas. A Garmin, empresa que desenvolve produtos para navegação GPS, também entrou na onda e vai lançar no Brasil dois gadgets destinados a ciclistas.

Chegarão a terras tupiniquins o ciclocomputador Edge 1030, espécie de velocímetro digital que combina navegação avançada, desempenho e percepção das pedaladas, e o Vector 3/3S, um medidor de potência que gera medidas sobre seu desempenho baseando-se nos movimentos do pedal da bicicleta.

Com uma tela capacitiva de 3.5”, que funciona mesmo quando estiver molhada ou quando o usuário estiver usando luvas,(sem) o Edge 1030 pode analisar diversos aspectos físicos do atleta, bem como controlar outros equipamentos da marca, como os faróis de sinalização e iluminação. Além disso, o dispositivo suporta um cartão microSD, que permite adicionar mapas para navegação curva a curva.

Já o Vector 3/3S é um sensor que se instala como qualquer outro pedal e mede a potência total, o equilíbrio entre as pernas esquerda e direita e a cadência e as dinâmicas de ciclismo avançadas. Luzes LED localizadas nos pedais exibem informações importantes de configuração e manutenção do aparelho.

Apesar de úteis para os ciclistas de plantão, os aparelhos não tem um preço animador. No Brasil, o Edge 1030 chegará no final de outubro pela “bagatela” de R$ 2.699. Já a versão bundle, que inclui o monitor cardíaco e os sensores de cadência e velocidade, tem o preço sugerido de R$ 2.999.

O medidor de potência Vector 3 vai sair por R$ 4.499, enquanto o Vector 3S chega aos R$ 3.299. O pedal de atualização opcional do Vector 3S tem o preço sugerido ao consumidor de R$ 2.799. Os equipamentos também chegam a terras tupiniquins no final de outubro.

Cupons de desconto TecMundo: