Uma patente concedida à Apple pelo departamento responsável por propriedade intelectual nos EUA foi publicada recentemente e traz um conteúdo bastante interessante. A empresa estaria trabalhando em um sistema que permitiria aos usuários de iPhones ligarem para o número de emergência local (“190” no Brasil) de forma discreta. Assim, uma pessoa que estivesse sendo mantida refém poderia acionar a polícia sem que o criminoso soubesse.

A ideia do autor da patente é que os usuários definam uma sequência de ações no celular — envolvendo sensor de digitais e reconhecimento facial — para ativar uma chamada secreta para o serviço de emergência. Assim, cada pessoa teria sua própria forma de ligar para a polícia, e os bandidos não poderiam perceber que a ligação estaria em curso ou que fora ativada caso peçam para a vítima desbloquear o aparelho para algum tipo de uso.

Naturalmente, o software do smartphone não deixaria transparecer na tela que alguma coisa estaria acontecendo. Mas, na verdade, o aparelho estaria enviando a localização geográfica para a central de emergência e também poderia captar som e vídeo do que estaria acontecendo no local.

É muito possível que chamadas acidentais aconteçam caso os usuários definam ações muito simples, mas seria interessante ver a implementação de algo do tipo em algum smartphone da Apple. Contudo, não esperamos que algo assim chegue já nos próximos iPhones.

Confira a patente completa em inglês.

Cupons de desconto TecMundo: