Se você está de olho nas notícias publicadas aqui no TecMundo, deve se lembrar que recentemente noticiamos aqui o caso de um grupo de robótica formado por estudantes afegãs que teve o visto negado para os Estados Unidos. Porém, parece que o jogo virou e a permissão para que elas viajassem para a terra do Tio Sam foi concedida.

Agora, as garotas vão ter a oportunidade de participar da competição de robótica First Global Challenge após o Department of Homeland Security intervir para que elas pudessem viajar para o país. Há relatos de que aparentemente o próprio presidente Donald Trump interferiu pessoalmente para que isso acontecesse, mas nada foi mencionado de maneira oficial.

Aparentemente o próprio presidente Donald Trump interferiu pessoalmente para que isso acontecesse

História conturbada

Para piorar a situação, a recusa inicial e a negação de apelação acabaram mexendo com o time, tendo em vista que as garotas fizeram duas viagens de mais de 800 quilômetros de Herat para a embaixada americana em Kabul (mesmo com todos os perigos envolvendo esse trajeto) para tentar obter esses vistos.

Robô criado pelo time afegão

Apesar de afegãos não estarem na lista de países banidos por Trump, apenas 32 moradores do Afeganistão conseguiram permissão para colocar os pés em solo norte-americano. Em contrapartida, o First Global Challenge vai contar com representantes da Síria, Sudão e Irã – e estes foram proibidos de visitarem os Estados Unidos.

Final feliz

Com isso, as seis garotas terão a oportunidade de levar o seu robô para a competição e ver com os próprios olhos os trabalhos dos adversários. Se ainda assim o visto fosse negado, elas teriam que enviar a inteligência artificial para o concurso e encontrar uma outra forma de participar do evento, provavelmente via Skype.

Agora, todos os 163 times vindos de 157 países diferentes terão a oportunidade de se encontra e disputar o prêmio de vencedor da competição. É torcer para que as meninas consigam uma boa colocação na competição depois de todas as dores de cabeça que tiveram para se fazerem presentes no local.

Cupons de desconto TecMundo: