É hora de encarar os fatos. Nós somos apenas dados que precisam ser monitorados para que as grandes lojas possam traçar nossos hábitos de consumo para poderem direcionar melhor as vendas. E mais um exemplo disso vai acorrer na próxima sexta, durante a famosa “Black Friday”.

Dois shoppings nos Estados Unidos irão monitorar toda a movimentação dos visitantes enquanto estiverem no local. Mesmo que os dados coletados sejam anônimos, será possível acompanhar os passos de cada pessoa sem que ela tenha permitido tal controle.

O sistema, chamado de FootPath Technology, funciona através de uma série de antenas posicionadas nas dependências do shopping center que captura o número de identificação único que existe em cada aparelho celular (como se fosse um número IP) e, então, monitora o movimento através de cada loja.

Embora os responsáveis pelo sistema afirmem que é impossível coletar informações pessoais dos aparelhos, como o número do telefone, essa ação está gerando controvérsias. No ano passado mesmo já vimos um caso em que hackers divulgaram uma lista com mais de 100 mil números de identificação e emails de proprietários de iPads 3G.

Aparentemente, a única maneira de não ser monitorado durante as compras é desligando o celular. Ou indo ao concorrente. E você, leitor do Tecmundo, o que faria se isso fosse implantado nas nossas lojas?