Ontem, Erich Schmidt, executivo da Google, chegou à Coreia do Norte. Schmidt não revelou o motivo de sua visita, mas os principais veículos da mídia acreditam que ele foi ao país em missão humanitária e teria aproveitado a viagem para conhecer o modo de navegação dos cidadãos da cidade de Pyongyang.

Ele e Bill Richardson, ex-governador do estado do Novo México, visitaram o laboratório de informática da Universidade Kim Il Sung, em Pyongyang. O local de estudos é um dos poucos com liberdade de navegação, mas tudo é vigiado e controlado pelo governo. Para a surpresa do executivo, o acesso ao Google é liberado no laboratório.

(Fonte da imagem: Reprodução/CBS News)

Ainda conforme a notícia da CBS News, Richardson estaria no país para aliviar as preocupações dos cidadãos americanos que ficaram intrigados após a detenção de Kenneth Bae. Além disso, o antigo governador do Novo México tentaria liberar Bae, o guia turístico que foi acusado de cometer atos hostis contra o estado.

Cupons de desconto TecMundo: