A Coreia do Norte lançou um míssil na madrugada de hoje (4) para testar a própria tecnologia de míssil balístico intercontinental (ICBM). De acordo com a própria TV norte-coreana KCTV, o ICBM disparado se chama Hwasong-14 e tem o potencial para atingir "qualquer lugar no mundo".

No teste realizado nesta madrugada, o míssil Hwasong-14 voou por 933 quilômetros durante 39 minutos, com uma altura máxima de 2.802 km, atingindo o Mar do Japão após a queda. Enquanto a Coreia do Norte comenta que poderia atacar qualquer lugar do mundo com esse projétil, analistas acreditam que o Hwasong-14 tem um alcance máximo de 6,7 mil km — bem longe de acertar literalmente qualquer lugar do mundo.

A Coreia do Norte se tornou uma potência nuclear imponente com o mais poderoso dos ICBM, disse a KCTV

Segundo a KCTV, este foi o 13° teste de míssil realizado em 2017, o que vem levantando as tensões entre os países próximos, como Japão, Coreia do Sul e China, além dos Estados Unidos.

"A República Popular Democrática da Coreia se tornou uma potência nuclear imponente com o mais poderoso dos ICBM capaz de atingir qualquer parte do mundo", comentou a KCTV. "O teste com êxito de um ICBM é um avanço maior na história de nossa república".

Sobre o caso, além de tweets do presidente norte-americano, Donald Trump, Rússia e EUA declararam que o míssil ICBM tem médio alcance e não coloca em risco os próprios territórios.

Míssil

Cupons de desconto TecMundo: