Se você achava que a natureza ordeira dos japoneses e o fato de Pokémon GO ter perdido boa parte de seus jogadores seriam o suficiente para controlar o caos gerado pelo game lá no Japão, então se prepare para mudar de ideia. Vídeos recentes mostram multidões de pessoas correndo pelas ruas do distrito de Odaiba, em Tóquio, por causa do aparecimento de uma criaturinha rara, Lapras.

Devido ao surgimento do pokémon aquático, os treinadores da região acabaram formando verdadeiras hordas e começaram a correr em várias direções, ignorando semáforos e não apenas causando confusão no trânsito, mas também aumentando o risco de acidentes. A movimentação se tornou tão intensa pelas ruas da região que vários relatos e gravações surgiram no Twitter e YouTube, chamando o fenômeno de “pânico do Lapras”.

De acordo com o veículo de imprensa NHK, o ocorrido levou as autoridades japonesas a entrar em contato direto com os desenvolvedores de Pokémon GO, a Niantic, e pedir para que os monstrinhos sejam reposicionados para locais mais seguros. Confira mais alguns vídeos a seguir:

Algumas pessoas dentro dos carros registraram a correria nas ruas

Quem estava no meio da multidão também ficou impressionado com a quantidade de pessoas

Os jogadores ensandecidos se espalharam por uma ampla área do distrito de Odaiba, em Tóquio. Todo mundo estava louco pelo Lapras

A correria se intensificava toda vez que os carros paravam

Grama alta? Isso não é problema para treinadores de pokémon dedicados!

Muitas pessoas que costumam passar pela região ficaram incomodadas com a confusão toda, envolvendo centenas de jogadores e carros de polícia, que tentavam restabelecer a ordem

Por sorte, não há relatos que indiquem que alguém se machucou gravemente durante o "pânico do Lapras"

Taiwan continua invicto

Por mais impressionante que o “pânico do Lapras” japonês seja, essa não é a primeira vez que o jogo movimentou multidões. Até o momento, as imagens e gravações mostrando as ruas e pontos turísticos de Taiwan após o lançamento do game continuam sendo as mais assombrosas. Clique aqui para conferir as imagens no país.

Cupons de desconto TecMundo: