(Fonte da imagem: Reprodução/Liliputing)

Lembra-se daquela atualização para o Facebook do Android que burlava a Play Store? Pois bem, parece que, depois de mais de um mês de ponderação, a Google finalmente resolveu tomar um posicionamento quanto ao caso — embora não da maneira que muitos imaginavam.

A resposta da empresa foi bastante simples. Agora, aqueles que acessarem a página americana das Políticas do Programa para Desenvolvedores do Google Play vão encontrar a mensagem abaixo, no tópico “Dangerous Products”:

“Um app baixado pela Google Play não pode modificar, substituir ou atualizar o próprio código binário de seu APK usando qualquer método além do mecanismo de atualização da Google Play.”

Com isso, a Google deixou muito pouco espaço para que o aplicativo do Facebook continue da maneira que está. Para ver os verdadeiros resultados da mudança na política da Play Store, provavelmente teremos que aguardar mais algum tempo. Será que a rede de Mark Zuckerberg vai ter um prazo para colocar seu aplicativo “nos eixos” ou teremos uma briga judicial começando entre as duas companhias? Dê suas previsões nos comentários.

Cupons de desconto TecMundo: