Celulares em transportes públicos: irritação na certa (Fonte da imagem: New York Times)

Você já tentou ler um livro ou realizar alguma tarefa simples enquanto alguém próximo de você conversa ao celular? Essa é uma situação costumeira especialmente para quem utiliza o transporte público com certa frequência; você está lá, tranquilo e focado em seus afazeres, quando de repente alguém se apossa do assento ao lado e começa a botar as novidades em dia com algum amigo fisicamente ausente.

Nesse momento, é comum que você não consiga se concentrar em seu trabalho como de costume; os parágrafos de um texto parecem se tornar mais difíceis de serem compreendidos, assim como as palavras para escrever uma mensagem parecem simplesmente desaparecer de sua cabeça.

Um estudo publicado recentemente no site PLOS ONE e dirigido pela professora de psicologia Veronica V. Galván aponta os motivos que fazem nosso cérebro perder tanto o foco quando estamos próximos de alguém que esteja batendo papo no celular. Após fazer um teste com seus alunos da faculdade, Veronica concluiu que eles executavam uma mesma tarefa com muito mais agilidade ao trabalhar em um ambiente onde duas pessoas conversavam fisicamente do que quando trabalhavam no mesmo lugar com alguém falando ao telefone.

Não, aquela pessoa não está falando mais alto do que o normal (Fonte da imagem: Reprodução/CBS News)

Somos instintivamente curiosos

Conforme a psicóloga, a razão é muito simples: ouvir uma dessas conversas altera nossas funções cognitivas e faz com que comecemos a prestar muita atenção no papo alheio com o intuito de tentar entendê-lo. “Se você ouve uma pessoa falando, você constantemente tenta colocar essas partes da conversa em um contexto. Isso vai naturalmente tirar sua atenção de qualquer coisa que você esteja fazendo”, afirma a pesquisadora.

Basicamente, nosso cérebro fica “curioso” ao ouvir somente parte de um bate-papo, e você automaticamente passa a tentar descobrir o que a outra pessoa está falando; a conversa é muito “estranha” para se ignorar.

Não contente, o estudo vai além e afirma que também temos a tendência de achar que as outras pessoas estão falando alto demais ao telefone, justamente porque não conseguimos parar de prestar atenção em suas vozes. “Quando você olha para uma luz, ela parece mais brilhante. E quando você não consegue deixar de prestar atenção a um ruído, ele parece mais alto”, conclui Veronica.

A pior parte da pesquisa, contudo, é que não há o que você possa fazer para não sofrer com este empecilho; no máximo, você pode colocar fones de ouvido e ligar seu reprodutor de música em um volume mais alto.

Cupons de desconto TecMundo: