(Fonte da imagem: Reprodução/AdAge Global)

Uma pesquisa realizada pela Forrester Research, publicada pelo site AdAge Global, mostra que os brasileiros gastam mais horas com a internet e games do que com outros meios de entretenimento, como a televisão. O resultado do trabalho, que também analisou o comportamento de mexicanos, é baseado nos questionários respondidos por 4.020 adultos em novembro de 2011.

A pesquisa mostra que os brasileiros gastam em média 23,8 horas por semana navegando na internet e 6,3 horas em alguma espécie de game, enquanto dedicam à TV aproximadamente 6,2 horas. Muito do tempo gasto online é dedicado às redes sociais: pelo menos 89% dos participantes relataram que visitam algum serviço do tipo, sendo que o preferido é o Facebook (81% de adesão), seguido pelo Orkut, da Google (63%).

Oitenta e seis por cento das pessoas entrevistadas afirmam que usam a rede como meio de assistir a vídeos em sites como o YouTube, porém somente 16% delas gasta recursos próprios produzindo e enviando trabalhos originais para o serviço. Segundo Roxana Strohmenger, analista responsável pelo trabalho, o número crescente de novas adesões a conexões de banda larga deve ter grande impacto entre as empresas, especialmente naquelas que se dedicam ao mercado de portáteis.

Smartphones e jogos casuais em expansão

Embora o alto preço dos smartphones no Brasil ainda se mostre um empecilho, a chegada de clones chineses ao país acaba compensando o valor exorbitante cobrado por um BlackBerry ou um iPhone. Atualmente, somente 40% dos habitantes do país utilizam celulares para acessar a internet, porcentagem que deve crescer muito nos próximos anos.

(Fonte da imagem: Reprodução/ThinkStock)

Isso deve beneficiar principalmente o mercado de games casuais, mais adaptados a trabalhar com aparelhos que possuem recursos limitados. Atualmente, a estimativa é que esses games gerem lucro de US$ 238 milhões até 2014, um grande aumento em relação aos US$ 136 milhões registrados em 2011.

Cupons de desconto TecMundo: